Esportes

Reinaldo fala em “sensação muito boa” após quebra de tabu: “Futebol lindo de se ver”

Gazeta
Gazeta Esportiva

10 de outubro de 2020 - 21:15 - Atualizado em 10 de outubro de 2020 - 22:00

Foi apenas no décimo jogo, mas o São Paulo conseguiu quebrar o tabu e venceu o Palmeiras no Allianz Parque por 2 a 0 neste sábado. Jogando bem, o Tricolor conseguiu controlar o jogo em grande parte dos 90 minutos, garantindo uma vitória fundamental para a sequência do Brasileirão. Reinaldo não escondeu o alívio após tantas frustrações na casa do Alviverde e não poupou elogios ao desempenho do time.

“É uma sensação muito boa. Vim aqui muitas vezes com o São Paulo e não conseguimos sair com o resultado positivo. Hoje, jogamos do tamanho que o São Paulo e nosso torcedor merecem. Como eu falei em Coritiba para os torcedores não desistirem da gente, porque estamos lutando e trabalhando. Essa vitória foi pro nosso torcedor, que vai passar um domingo feliz”, afirmou Reinaldo ao Premiere.

“Dominamos o jogo do começo ao fim. Tivemos a oportunidade de marcar em bola rolando no primeiro tempo, não conseguimos. No segundo tempo voltamos com a mesma pegada para tomar conta do jogo. Foi um resultado merecido, jogamos um futebol lindo de se ver”, completou.

Reinaldo também falou sobre o momento de pressão vivido pelo São Paulo após a queda prematura na Libertadores e uma sequência negativa no Campeonato Brasileiro. O jogador acredita que Fernando Diniz foi fundamental para que a equipe contornasse a fase.

“O professor Diniz sempre foca dentro do vestiário. Ele sempre diz que o que estão falando fora não é para trazer para dentro do vestiário. Sabíamos que estávamos devendo, até porque na Libertadores não conseguimos nosso objetivo. O São Paulo é um clube gigante, precisa estar em todas as competições brigando pelo título”, finalizou o jogador.

Com o resultado, o São Paulo foi aos 26 pontos, na terceira posição do Campeonato Brasileiro. O próximo compromisso do time é pelas oitavas de final da Copa do Brasil, contra o Fortaleza, na quarta-feira, às 19h15, no Castelão.