Bastidores

Público na final Copa América revolta dirigentes do Flamengo

Gazeta
Gazeta Esportiva

10 de julho de 2021 - 09:56 - Atualizado em 10 de julho de 2021 - 10:00

O anúncio da presença de público na final da Copa América foi comemorada pela Conmebol. O Maracanã vai receber 10% da capacidade para o jogo entre Brasil e Argentina, neste sábado.

A Prefeitura do Rio de Janeiro liberou a presença de torcedores após pedido da instituição. As autoridades do município impuseram um protocolo rígido para o jogo.

Só que a atitude das autoridades cariocas revoltou os dirigentes do Flamengo. Isso porque os rubro-negros já vêm buscando a liberação de parte da capacidade do Maracanã desde as finais do Campeonato Carioca.

Na ocasião, Flamengo e Ferj buscaram ocupar 25% do Maracanã, mas a Prefeitura do Rio negou o pedido, por conta da alta dos casos de covid-19 no município.

A CBF já adiantou que a presença do público só será discutida no retorno do Campeonato Brasileiro. O pensamento é liberar uma porcentagem específica em todos os estádios da Série A.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.