Campeonato Italiano

PSG estuda contratação de Theo Hernández, lateral do Milan

Gazeta
Gazeta Esportiva

14 de julho de 2021 - 14:43 - Atualizado em 14 de julho de 2021 - 15:00

O Paris Saint-Germain monitora o lateral-esquerdo francês Theo Hernández, do Milan. Segundo o jornal italiano Tuttosport, o clube já apresentou proposta.

De acordo com o periódico, o PSG ofereceu 40 milhões de euros (R$ 240,6 milhões) pelo jogador de 23 anos. No entanto, a equipe italiana recusou a oferta, pois considera a quantia baixa.

Com base no site Transfermarkt, Hernández tem valor de mercado de 50 milhões de euros (R$ 300,7 milhões).

Além do valor aquém do esperado, o time da capital italiana não tem tanto interesse em negociar o atleta, que é visto como uma peça fundamental na equipe de Stefano Pioli. Na temporada 2020/21, Hernández jogou 45 partidas: balançou as redes oito vezes e deu oito passes para gol.

Formado na base do Atlético de Madrid, Theo Hernández foi negociado com o Real em 2017. Sem se firmar na equipe merengue, acabou vendido ao Milan dois anos depois, por 21,5 milhões de euros (R$ 129,4 milhões atualmente). Ao todo, o lateral disputou 81 jogos pelo time italiano, anotando 15 gols e 13 assistências.

Apesar de ter visto uma oportunidade de mercado nos jogadores em fim de contrato – Georginio Wijnaldum, Sergio Ramos e, em breve, Gianluigi Donnarumma –, o Paris Saint-Germain fez um grande investimento na lateral-direita. O clube comprou Achraf Hakimi, da Inter de Milão, por 60 milhões de euros (R$ 361,1 milhões).

Já no lado oposto do campo, Mitchel Bakker foi negociado com o Bayer Leverkusen. Assim, Juan Bernat e Layvin Kurzawa são as outras duas opções no atual elenco. Já o Milan, sem considerar Hernández, não conta com outro atleta para o setor.

Em caso de saída do lateral, o clube italiano monitora o senegalês Fodé Ballo-Touré, de 24 anos, que jogou 29 partidas pelo Mônaco na última temporada. A equipe ofereceu 4 milhões de euros (R$ 24 milhões) para contar com o jogador, mas o time monegasco pede 500 mil euros a mais – exigência que não deve barrar uma eventual negociação.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.