Esportes

Pressionado, Paraguai visita a Bolívia e sonha com a zona de classificação

Gazeta
Gazeta Esportiva

13 de outubro de 2021 - 20:00 - Atualizado em 13 de outubro de 2021 - 20:15

O Paraguai visita a Bolívia nesta quinta-feira, às 17h (de Brasília), no Estádio Hernando Siles, em La Paz, pela 12ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022, que será disputada no Catar. Os paraguaios aparecem na sexta posição com 12 pontos e já estão a quatro do Uruguai, que fecha a zona de classificação, o chamado G-4. Se ganhar, o time guarani tem a chance de entrar na área da repescagem, hoje com a Colômbia, com quatro pontos.

Neste duelo o Paraguai vai precisar superar várias adversidades. A primeira delas é a altitude de La Paz. Um adversário que tem feito estragos. Na última rodada o Peru perdeu por 1 a 0. Além disso os paraguaios lutam contra a própria irregularidade. Isso ficou visível na derrota de 2 a 0 para o Chile em Santiago.

Outro problema ruim é o ambiente. O técnico Eduardo Berizzo é alvo de críticas da imprensa e alguns jogadores questionam seus métodos. Assim a maioria evitar dar entrevistas.

O que pode facilitar para os paraguaios é que a Bolívia está mais longe da briga pela classificação. O time soma apenas nove pontos e precisaria de uma arrancada pouco provável na reta final da competição. Mas os bolivianos ganharam novo fôlego após o triunfo sobre o Peru.

“Nós temos que buscar sempre fazer o nosso jogo e nos impor como mandantes. Não é o momento de fazermos contas sobre classificação e sim de buscarmos pontos”, disse Marcelo Moreno, atacante da Bolívia.

Chile joga última cartada contra a Venezuela

Em outro jogo importante da rodada o Chile recebe a Venezuela, às 21h(de Brasília), em San Carlos de Apoquindo. Os chilenos chegaram a dez pontos no triunfo sobre o Paraguai e esta será a sua última cartada na busca da classificação. Os chilenos já ficaram de fora da última Copa do Mundo e não querem repetir o vexame.

A Venezuela também ganhou novo fôlego. Conseguiu uma importante vitória de 2 a 1 sobre o Equador, de virada. Com sete pontos pretende deixar a lanterna, embora saiba que disputar o próximo Mundial é tarefa praticamente impossível.

Pelo regulamento das Eliminatórias sul-americanas as dez seleções se enfrentam no sistema de pontos corridos em turno e returno. Ao fim as quatro melhores colocadas se garantem na Copa do Mundo. Já o quinto colocado tem uma chance extra na repescagem internacional.