Esportes

Presidente da AFA confirma encerramento da temporada argentina devido ao coronavírus

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

27 de abril de 2020 - 00:00 - Atualizado em 27 de abril de 2020 - 00:00

Boca Juniors, campeão do Campeonato Argentino, é um dos classificados à Libertadores de 2021

A América do Sul tem seu primeiro país com a temporada finalizada precocemente devido à pandemia do novo coronavírus. Nesta segunda-feira (27), o presidente da Associação de Futebol Argentina (AFA), Chiqui Tapia, confirmou em entrevista ao diário Olé o cancelamento das competições no futebol argentino.

Tapia ainda adiantou quais serão os clubes classificados para os torneios continentais, definidos pela classificação atual. River Plate, Racing e Argentinos Jrs se juntam ao Boca Juniors, campeão do Campeonato Argentino, na Copa Libertadores de 2021. Ainda sobram duas vagas em aberto para a principal competição da América do Sul, que serão definidas com a próxima temporada em andamento.

Já para a Copa Sul-Americana, Vélez Sarsfield, San Lorenzo, Newell’s Old Boys, Talleres, Defensa y Justicia e Lanús estão garantidos como representantes do país.

Além disso, o futebol argentino ficará sem rebaixamento por duas temporadas. O Campeonato Argentino, que atualmente conta com 24 equipes, terá apenas a inclusão de clubes que conseguiram o acesso, ficando com 28 times. Os descensos voltariam a acontecer apenas em 2021/22.

Antes da paralisação causada pela pandemia da covid-19, estava sendo disputada a Copa Superliga, competição que vale pontos para a classificação final da temporada. A tabela, composta pela primeira fase da Copa Superliga e o Campeonato Argentino, definiriam os rebaixados e as vagas para os torneios da Conmebol.