Esportes

Perto do 200º jogo, Jean Mota é capitão pela primeira vez no Santos

Gazeta
Gazeta Esportiva

11 de janeiro de 2021 - 12:00 - Atualizado em 11 de janeiro de 2021 - 22:30

Perto do 200º jogo, Jean Mota foi capitão do Santos pela primeira vez na vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo no último domingo, no Morumbi, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O meia disputou a 198ª partida como lateral-esquerdo. Felipe Jonatan esteve suspenso e Wagner Leonardo se recupera da covid-19.

O técnico Cuca escolheu Jean como capitão da equipe reserva por dois motivos: ser o mais antigo no elenco dentre os que saíram jogando e o “sacrifício” de atuar improvisado na ala.

Jean Mota chegou ao Santos em 2016 e alternou bons e maus momentos. Em 2019, por exemplo, foi artilheiro e melhor jogador do Campeonato Paulista. Nesta temporada, costuma ser reserva.

Clubes como Fortaleza e Bahia procuraram o atleta de 27 anos recentemente. O contrato termina em 30 de junho de 2022.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.