Bastidores

Para Mário Bittencourt, Campeonato Carioca pode terminar sem campeão

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

26 de maio de 2020 - 00:00 - Atualizado em 26 de maio de 2020 - 00:00

Fluminense vem se manifestando contra o retorno do futebol em meio à pandemia da covid-19

O Fluminense entrou em processo de colisão com Ferj e demais clubes cariocas após a liberação dos treinos por parte do prefeito Marcelo Crivella. Após emitir nota oficial, ao lado do Botafogo, rechaçando a volta do Campeonato carioca, o presidente Mário Bittencourt afirmou que o estadual pode ser cancelado, sem ter um campeão.

“A posição do Fluminense é no sentido de que, assim que tiver condições humanas, condições de saúde, condições de tranquilidade para jogadores, funcionários e população, a gente conclua o campeonato em campo. Se não houver a possibilidade, que seja encerrado sem campeão em 2020, como foi em vários outros países, que encerraram sem declarar campeão”, disse ao Sportv.

Mário Bittencourt rechaçou que vá se programar para a retomada das atividades neste momento. O mandatário explicou que o pensamento dos tricolores é na preservação de vidas em meio a pandemia de coronavírus.

“Cada clube sabe como deve se posicionar. O posicionamento do Fluminense é de salvar vidas, de contribuir com a sociedade neste momento justamento porque o nosso entendimento é de ser exemplo para a sociedade, para os jovens, para os nossos atletas, que muitos ainda têm famílias morando em comunidades carentes”, declarou.

O elenco do Fluminense segue com os treinos virtuais, pelo menos até o final do mês. A tendência é a de que o clube amplie o período de trabalho em casa. A diretoria tricolor admitiu que pode entrar na Justiça contra o retorno do futebol.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.