Esportes

Palmeirenses se aglomeram para acompanhar decisão nas imediações do clube

Gazeta
Gazeta Esportiva

30 de janeiro de 2021 - 17:01 - Atualizado em 31 de janeiro de 2021 - 00:00

Sem ingressos vendidos ao público por conta da pandemia de covid-19, Palmeiras e Santos decidiram a Copa Libertadores no Estádio do Maracanã na tarde deste sábado. Em São Paulo, reunidos nas imediações da sede, torcedores alviverdes fizeram aglomeração para ver a final.

Centenas de pessoas foram até as imediações da sede do Palmeiras, localizada na Zona Oeste de São Paulo, muitas sem máscara, contrariando protocolo para conter a pandemia e covid-19. A Polícia Militar (PM), então, decidiu reunir todos nas ruas Diana e Caraibas.

Diante da pandemia de covid-19, todo o estado permanece durante o final de semana na fase vermelha do Plano São Paulo, a etapa com restrições mais rigorosas para tentar conter o coronavírus. Nas imediações do Palmeiras, alguns bares acabaram lacrados por fiscais da prefeitura, já que estavam funcionando de maneira irregular.

Com centenas de torcedores reunidos, havia um telão exibindo ao vivo a partida disputada no Rio de Janeiro e até fãs com um porco, mascote do time alviverde. As autoridades também se preocupam com a possibilidade de aglomeração de palmeirenses ou santistas para festejar o título continental.

Bar que funcionava de forma irregular acabou lacrado perto do Palmeiras

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.