Esportes

Palmeiras abusa dos cruzamentos, mas baixo aproveitamento chama atenção

Gazeta
Gazeta Esportiva

11 de junho de 2021 - 07:00 - Atualizado em 11 de junho de 2021 - 07:30

A temporada do Palmeiras não começou como o torcedor gostaria. Atual campeão da Libertadores e Copa do Brasil, o time do técnico Abel Ferreira ainda não conseguiu embalar neste ano. E um dos fatores que pode explicar esta dificuldade é a falta de precisão no ataque.

Segunda dados do Footstats, o Verdão tem um aproveitamento de apenas 24,1% nos cruzamentos. Ao todo, contanto todas as competições, a equipe alçou 534 bolas na área dos rivais, das quais apenas 129 tiveram destino certo.

Na derrota de 1 a 0 para o CRB desta quarta-feira, por exemplo, o fundamento foi bastante utilizado pelos comandados de Abel para tentar furar a forte marcação adversária e evitar a precoce eliminação na Copa do Brasil. Foram 52 tentativas, mas com apenas 12 acertos (23,1%).

E é justamente no torneio mata-mata que o Palmeiras apresenta, até o momento, o seu pior aproveitamento nos cruzamentos (21,8%). Nos dois jogos que o time disputou na competição, foram 87 bolas levantadas, média de 43,5 por duelo.

Já o melhor desempenho do Alviverde é no Campeonato Brasileiro. Dos 40 cruzamentos realizados nas duas primeiras rodadas, 12 foram corretos (30%).

O Palmeiras busca melhorar a sua precisão, portanto, neste sábado, às 19 horas (de Brasília), diante do Corinthians, pela terceira rodada do Brasileirão.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.