Esportes

Pai de atacante Ricardinho, do Grêmio, morre vítima da covid-19

Gazeta
Gazeta Esportiva

30 de março de 2021 - 11:44 - Atualizado em 30 de março de 2021 - 12:00

O pai do atacante Ricardinho, do Grêmio, faleceu nesta terça-feira por conta da covid-19. Ricardo Viana tinha 50 anos de idade e exercia a função de policial militar em São Paulo.

O jogador, que tinha o costume de homenageá-lo em suas comemorações, se manifestou nas redes sociais, relembrando a parceria que tinha com o pai.

“Obrigado por tudo, meu guerreiro, vai fazer muita falta aqui comigo, jamais esquecerei e você, meu truta, meu amigo, meu pai”, escreveu.

O Grêmio, por sua vez, se solidarizou com o ocorrido, e aproveitou para enaltecer os riscos da covid-19.

“Manifestamos imenso pesar pelo falecimento do senhor Ricardo Viana, pai do atacante Ricardinho, que lutava contra a covid-19. Nos solidarizamos com toda a família e amigos, desejando força para superar este momento. Esta doença já nos levou inúmeras vidas, por favor, se cuide”, publicou.

A tendência é que Ricardinho seja liberado das atividades do Tricolor nos próximos dias e retorne no final da semana.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.