Esportes

Nove países se candidatam a sede da Copa do Mundo Feminina de 2023

Luiza
Luiza
Nove países se candidatam a sede da Copa do Mundo Feminina de 2023
(Foto: Reprodução)

17 de abril de 2019 - 00:00 - Atualizado em 17 de abril de 2019 - 00:00

Nove países se candidatam a sede da Copa do Mundo Feminina de 2023; a informação foi confirmada pela Fifa nesta quarta-feira (17). Este é o maior número de candidatos desde a criação do torneio, em 1991.

Escolha da sede da Copa do Mundo Feminina será em março de 2020

A Fifa começará o processo de licitação, e os países candidatos terão até o dia 4 de outubro de 2019 para enviar suas respectivas propostas à Fifa. Além do Brasil, Argentina, Bolívia, Colômbia, Japão, Coreias do Sul e do Norte, que farão candidatura conjunta, Austrália, Nova Zelândia e a África do Sul querem ser sede do Mundial.

LEIA TAMBÉM: Jovem curitibano se destaca em provas aquáticas e se torna promessa no País

A escolha da sede será definida em março de 2020. A próxima edição do Mundial feminino será realizado de 7 de junho a 7 de julho deste ano, na França. O Brasil está no grupo C do campeonato, com Austrália, Itália e Jamaica. A Seleção Brasileira estreia no dia 9 de junho contra a Jamaica.

Siga o RIC Mais também no Instagram, e fique por dentro de todas as novidades!