Copa do Brasil

Nos pênaltis, Athletico supera o Grêmio e está na final da Copa do Brasil

Maicon
Maicon Wellington
Nos pênaltis, Athletico supera o Grêmio e está na final da Copa do Brasil
Nos pênaltis, Athletico supera o Grêmio e está na final da Copa do Brasil

5 de setembro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 1 de julho de 2020 - 16:33

Os mais de 28 mil torcedores que compareceram na Arena da Baixada nesta quarta-feira (4), presenciaram um verdadeiro espetáculo em Curitiba. No jogo da volta pela semifinal da Copa do Brasil, o Athletico Paranaense devolveu os 2 a 0 sofridos em Porto Alegre em cima do Grêmio e avançou para a grande final nos pênaltis.

Nikão no primeiro tempo e Marco Ruben com menos de quatro minutos da etapa final, garantiram a igualdade na soma dos placares agregados e levaram o Furacão para as penalidades. Em uma decisão de respeito, com nove pênaltis convertidos, o time comandado pelo técnico Tiago Nunes avançou.

Garantido na grande final, o Rubro-negro aguarda o vencedor da outra semifinal entre Internacional e Cruzeiro, nesta quarta-feira, no Beira Rio. Na primeira partida o Colorado venceu a Raposa, em pleno Mineirão, por 1 a 0. As finais acontecem nos próximos dias 11 e 18 de setembro.

QUE JOGO!

Em desvantagem no marcador com o 2 a 0 do primeiro jogo, o Athletico foi para cima do Tricolor Gaúcho que sentiu a pressão e não segurou o Furacão. Nikão aproveitou o rebote no chute de Bruno Guimarães, que explodiu no travessão. A bola voltou nos pés do atacante que fez 1 a 0.

Veio a segunda etapa e com três minutos, já estava tudo igual na soma do placar agregado. Em uma partida história, o Furacão chegou pela esquerda com o garoto Rony. Ele limpou a marcação e cruzou na medida para Marco Ruben, de cabeça, marcar o segundo do Athletico que levou a decisão para os pênaltis.

SANTOS SALVADOR

Bruno Guimarães, Lucho González, Nikão, Cirino e Marco Ruben converteram as cinco cobranças para o Furacão. Galhardo, David Braz, Alisson e Matheus marcaram para o Grêmio, que na última batida com o jovem Pepê, parou no goleiro Santos.


Prata da casa, o camisa número 1 do Athletico fez a Arena da Baixada tremer, chorar e comemorar muito a classificação, improvável, desse time que nos últimos anos vem conquistando títulos e mais títulos. Esse da Copa do Brasil, seria inédito.

FICHA TÉCNICA

Athletico Paranaense 2×0 Grêmio

Horário: 19h00 (horário de Brasília)

Local: Arena da Baixada, Curitiba-PR

Árbitro: Wagner do Nascimento (RJ)

Assistentes: Kleber Lucio (SC) e Bruno Raphael (GO)

Athletico

Santos; Khellven, Robson Bambu, Lucas Halter e Márcio Azevedo; Wellington (Marcelo Cirino), Léo Cittadini (Lucho González) e Bruno Guimarães; Nikão, Marco Ruben e Rony (Vitinho). Técnico: Tiago Nunes

Grêmio

Paulo Vitor; Leonardo (Rafael Galhardo), Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Romulo, Matheus Henrique, Alisson; Jean Pyerre (Thaciano) e Pepê; André (David Braz). Técnico: Renato Portaluppi

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.