Esportes

No sufoco, Athletico empata com o Libertad e avança na Copa Libertadores

Furacão volta a disputar as quartas de final da competição depois de 17 anos.

Bruno
Bruno Videira
No sufoco, Athletico empata com o Libertad e avança na Copa Libertadores
Rômulo empata a partida e classifica o Athletico na Libertadores (Foto: José Tramontin/athletico.com.br)

5 de julho de 2022 - 23:38 - Atualizado em 6 de julho de 2022 - 00:18

Emoção do início ao fim. Libertad e Athletico-PR se enfrentaram na noite desta terça (5), no Paraguai, pela partida de volta das oitavas de final da Copa Libertadores da América e empataram em 1 a 1. Roque Santa Cruz marcou para os paraguaios no fim da primeira etapa, e Rômulo fez o gol de empate e da classificação rubro-negra no fim da partida, colocando o Furacão para disputar as quartas de final após 17 anos.

PRIMEIRO TEMPO

Buscando o resultado para se classificar, o Libertad já começou o jogo indo para cima. Logo no primeiro minuto de partida, Caballero recebe na entrada da área, chuta forte e Bento encaixa a defesa.

O Furacão respondeu logo em seguida com Erick, após bela jogada de Vitor Roque, que o deixou na cara do gol. Ele bate cruzado, mas Martín Silva salva de mão esquerda.

Depois disso, os dois times baixaram o ritmo e passaram se estudar, trocar passes e chegando sem muito perigo. Mas aos 19 minutos, o Athletico sai para o ataque com Vitor Roque, que toca para Canobbio e encontra Terans, sozinho pelo meio, mas Martín Silva se antecipa saindo da área e afasta o perigo.

O time paraguaio chega com perigo aos 31 minutos. Cruzamento na área pela esquerda, Bento se adianta e acaba trombando com Roque Santa Cruz, mas consegue defender. No rebote, Melgarejo chuta para fora.

Aos 39 minutos, Terans cruza na área do Libertad, nas costas da defesa e Vitor Roque mergulha e não acha nada. A bola sai em linha de fundo.

Nos acréscimos, aos 47 minutos, Hugo Moura faz um passe rasteiro para Erick, que entra sozinho na área e não acha nada. A bola passa muito perto da trave esquerda do gol do Libertad.

No último minuto, o Libertad cobra lateral, Roque Santa Cruz ajeita a bola, faz fila, deixa dois defensores na saudade e chuta forte de direita para abrir o placar. 1 a 0 para o time paraguaio.

SEGUNDO TEMPO

O rubro-negro paranaense voltou mais agressivo para a etapa final. Até que no primeiro minuto obrigaram Martín Silva a sair da área para cortar o ataque. Fez suas linhas avançarem e dificultar a saída de bola do Libertad, valorizando a posse de bola.

O time paraguaio aproveita os espaços que ficam na defesa adversária e sai em contra-ataque. Com 6 minutos, após bate rebate, Marcelo Díaz cabeceia na área para Melgarejo, que não alcança e Bento faz a defesa. Três minutos depois, Mendieta vai para cima da marcação, ajeita a bola e joga uma bomba por cima da meta rubro-negra.

Furacão esfriou, ficou nervoso, jogando recuado e vendo praticamente o Libertad fazer o que quiser e jogando em casa. Merlini cruza na área e Roque Santa Cruz, livre, cabeceia, e Bento faz a defesa.

Com 23 minutos, Vitor Roque sai em arrancada e chuta de fora da área. Martín Silva se obriga a fazer uma bela defesa e jogar para escanteio.

Aos 34 minutos, o Libertad continua jogando com tudo para não depender dos pênaltis para a garantir a vaga: Bareiro tabela com Roque Santa Cruz dentro da área e finaliza. Erick salva o que seria o segundo gol paraguaio.

Já no fim do jogo, aos 44 minutos, falta para o Furacão, Khellven manda dentro da área e Rômulo cabeceia, Martín Silva defende e no rebote, o camisa 35 manda para as redes. Tudo igual, 1 a 1 e classificação garantida! Agora espera o vencedor de Estudiantes (ARG) x Fortaleza para saber seu próximo adversário no torneio continental.

PRÓXIMOS JOGOS:

O Libertad só volta a campo no dia 15/07 para enfrentar o Sportivo Ameliano, pelo Campeonato Paraguaio.

Já o Athletico enfrenta o Goiás fora de casa no sábado (9), às 20:30, pelo Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA:

Copa Libertadores da América – oitavas de final (volta)

Local: Estádio Defensores Del Chaco, Assunção, Paraguai.

Data: Terça-feira, 05 de julho de 2022.

Horário: 21:30 (horário de Brasília).

Libertad: Martín Silva; Iván Piris, Diego Viera, Barboza e Samudio; Marcelo Díaz (Campuzano), Caballero, Diego Goméz (Mendieta), Merlini (Bareiro) e Malgarejo; Roque Santa Cruz (Óscar Cardozo). Técnico: Daniel Garnero.

Gols: Roque Santa Cruz (48 min do 1º tempo).

Amarelos: Iván Piris (36 min do 2º tempo) e Barboza (43 min do 2º tempo).

Athletico-PR: Bento; Orejuela (Khellven), Pedro Henrique, Nico Hernández e Abner Vinícius; Hugo Moura (Matheus Fernandes), Erick e Terans (Vitor Bueno); Canobbio (Marcelo Cirino), Cuello e Vitor Roque (Rômulo). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Gols: Rômulo (44 min do 2º tempo).

Amarelos: Abner Vinícius (41 min do 1º tempo), Vitor Roque (16 min do 2º tempo), Pedro Henrique (28 min do 2º tempo) e Matheus Fernandes (50 min do 2º tempo).

ARBITRAGEM

Árbitro: Andrés Cunha (Uruguai)
Assistentes: Richard Trinidad e Andrés Nievas (Uruguai)
Quarto árbitro: Guillermo Guerrero (Equador)