Esportes

No Grêmio, números de Tiago Nunes despencaram no Brasileirão: confira

Gazeta
Gazeta Esportiva

5 de julho de 2021 - 09:21 - Atualizado em 5 de julho de 2021 - 09:30

Tiago Nunes, demitido do Grêmio neste domingo, deixou seu terceiro trabalho de maior expressão com um aproveitamento de 58,3%. Apesar dos números gerais serem bons, o fraco desempenho no Brasileirão acabou pesando na sua demissão.

Segundo o Footstats, o Grêmio de Tiago disputou 20 jogos, venceu 10, empatou cinco e perdeu cinco. Foram 38 gols feitos, 19 sofridos e o técnico conquistou o Campeonato Gaúcho no início do trabalho.

No Brasileirão, no entanto, os números deixaram a desejar. O Tricolor é o último colocado com apenas dois pontos conquistados. Esse é o pior início de campeonato da história do Imortal, que venceu apenas um jogos dos últimos 11 somando todas as competições.

O aproveitamento de Tiago no Brasileiro somando as passagens por Corinthians e Grêmio ajuda a explicar a derrocada em seus trabalhos. Ao todo foram 15 jogos, duas vitórias, cinco empates e oito derroas, com aproveitamento de 24%. Suas equipes marcaram 15 gols e sofreram 22.

Ainda em busca de consolidação no cenário nacional, o trabalho de Tiago no Athletico-PR segue sendo o de maior destaque. No Brasileiro, sua equipe teve 56% de aproveitamento, com média de 1,57 gols feitos por jogo e 0,94 sofridos. Por lá, o treinador conquistou uma Copa Sul-Americana e uma Copa do Brasil.

Tiago deixou o Grêmio após derrota para o Atlético-GO, na noite de domingo, por 1 a 0. Com gol de Lucão ainda no primeiro tempo, o Imortal não teve poder de reação para correr atrás do resultado.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.