Esportes

Nike e Neymar rompem contrato e encerram parceria de 15 anos

Gazeta
Gazeta Esportiva

29 de agosto de 2020 - 19:02 - Atualizado em 29 de agosto de 2020 - 19:30

Principal jogador brasileiro, o atacante Neymar não será mais patrocinado pela Nike. Após 15 anos de parceria, o contrato entre o jogador e a empresa de material esportivo chegará ao fim no próximo dia 31 de agosto, segunda-feira. A informação foi publicada pelo Diário do Peixe na sexta-feira.

O primeiro acordo entre Neymar e Nike foi feito ainda quando o jogador tinha 13 anos e estava nas categorias de base do Santos. No ano do título da Libertadores do Peixe, em 2011, a parceria foi renovada por 11 anos, com término previsto para 2022. De acordo com o veículo, o anúncio oficial da rescisão deve ser feito em 1º de setembro.

Com a saída do camisa 10, a Nike perde um de seus principais nomes, ao lado do português Cristiano Ronaldo, e deve sofrer um grande impacto nos negócios. A empresa também é a atual fornecedora de material esportivo do Paris Saint-Germain, time do atacante.

O rompimento da relação teria se dado por uma diferença entre valores. Ainda segundo o Diário do Peixe, a Puma aparece como uma das empresas favoritas a fechar um contrato de patrocínio com Neymar.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.