Campeonato Francês (Ligue 1)

Neymar se recusa a treinar no Paris Saint-Germain, segundo jornal francês

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

26 de fevereiro de 2020 - 00:00 - Atualizado em 26 de fevereiro de 2020 - 00:00

Neymar deve ser negociado na próxima janela de transferências

O clima não está nada bom para Neymar no Paris Saint-Germain. Segundo o jornal francês “L’Equipe”, o camisa 10 se teria se recusado a treinar, após a goleada de 6 a 1 da equipe parisiense sobre o Dijon, pela Copa da França, no último dia 12.

Este é apenas mais um episódio polêmico do brasileiro no PSG. O motivo de sua ausência seria a não confirmação de sua titularidade na derrota para o Borussia Dortmund por 2 a 1 na última semana, na Liga dos Campeões. No fim das contas, Neymar acabou atuando e marcou o único gol de sua equipe.

Após o confronto contra os alemães, o craque foi a público e reclamou que não estava jogando. Segundo o treinador Thomas Tuchel, a decisão foi para preservá-lo de uma lesão nas costas, adquirida no início do mês. Para o capitão da Seleção Brasileira, a medida não era boa para o time.

“Infelizmente tive que acatar isso, tive várias discussões, não curti o que eles propuseram para mim. Mas o clube é quem manda, tive que respeitar, infelizmente. Mas isso acaba sendo ruim para mim e para os companheiros”, comentou naquela oportunidade.

O episódio só alimenta uma possível negociação do jogador de 28 anos na próxima janela de transferência.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.