Esportes

Neymar sai machucado, mas PSG derrota Basaksehir pela Liga dos Campeões

Moise Kean é o herói da noite, ao marcar duas vezes; Neymar tem suspeita de lesão

Gazeta
Gazeta Esportiva
Neymar sai machucado, mas PSG derrota Basaksehir pela Liga dos Campeões
Kean marcou duas vezes contra o Istanbul Basaksehir (Foto: Reprodução/PSG)

28 de outubro de 2020 - 16:51 - Atualizado em 28 de outubro de 2020 - 18:15

O Paris Saint-Germain conquistou sua primeira vitória na Liga dos Campeões nesta quarta-feira. Pela 2ª rodada da fase de grupos, o time derrotou o Istanbul Basaksehir por 2 a 0, no Basaksehir Fatih Terim Stadium. O ponto negativo ficou por conta de Neymar, que deixou o campo machucado ainda na etapa inicial.

O PSG começou o primeiro tempo com tudo. Mesmo jogando fora de casa, os franceses aproveitaram a superioridade de sua equipe para pressionar o adversário desde o início, tentando chegar ao gol principalmente pelo lado esquerdo com Mbappé e Di María.

Porém, aos 18 minutos, Neymar sentiu um incômodo na coxa esquerda em uma jogada de ataque e recebeu atendimento médico. O brasileiro enfaixou o local e até chegou a voltar para o campo, mas pediu substituição e saiu aos 26.

Com a saída do camisa 10, o Basaksehir melhorou na partida e construiu algumas chances de gol. Do outro lado, o PSG manteve o ritmo ofensivo e buscou oportunidades de abrir o placar, mas o time não levou muito perigo ao goleiro Gunok e a primeira etapa terminou zerada.

O segundo tempo do confronto começou lá e cá. Os turcos saíram mais para a partida e deixaram o duelo bastante equilibrado. No entanto, foram os franceses que conseguiram sair na frente aos 18 minutos.

Em cobrança de escanteio, Mbappé fez belo cruzamento para Moise Kean, que cabeceou livre de marcação e colocou o Paris em vantagem.

Atrás no placar, o Basaksehir não desistiu e partiu para cima em busca do empate, porém deixaram espaços na defesa e permitiram que o Paris Saint-Germain marcasse mais um, novamente com Kean. Após cruzamento da direita, a bola escapou de Mbappé e sobrou para o atacante italiano, que dominou, girou e bateu de pé esquerdo para dar números finais à vitória francesa.

Também pela Champions League nesta quarta, o Chelsea goleou o Krasnodar por 4 a 0. Os gols foram marcados por Hudson-Odoi, Werner, Ziyech e Pulisic.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.