Esportes

Neymar perde gols, mas PSG vira nos acréscimos e avança na Liga dos Campeões

Franceses sofrem até o fim, mas conseguem virada no apagar das luzes

Gazeta
Gazeta Esportiva
Neymar perde gols, mas PSG vira nos acréscimos e avança na Liga dos Campeões
PSG sofre mas se classifica as semifinais da Champions League (Foto: Reprodução/PSG)

12 de agosto de 2020 - 17:59 - Atualizado em 12 de agosto de 2020 - 18:34

Em jogo emocionante nesta quinta-feira,  o Paris Saint-Germain espantou a zebra nos acréscimos e venceu a Atalanta por 2 a 1, de virada. Com gols de Marquinhos e Choupo-Moting, o time francês avança para as semifinais da Liga dos Campeões da Europa.

Referência do PSG, Neymar apareceu bem na criação das jogadas, com dribles e passes precisos, mas pecou nas finalizações, perdendo oportunidades importantes. Ainda assim, o craque brasileiro participou dos dois gols que deram a vitória à equipe francesa. Agora, os comandados de Thomas Tuchel espera o vencedor de RB Leipzig x Atlético de Madrid, que duelam nesta quinta-feira, às 16h.

Como era esperado, o começo da partida já foi de boas chances para os dois lados. Neymar teve a primeira pelo PSG, logo aos dois minutos, quando saiu cara a cara com o goleiro, mas finalizou para fora. A Atalanta respondeu em duas oportunidades, com Hateboer e Caldara, mas Keylor Navas fez dois milagres.

O jogo ficou mais truncado, até que a Atalanta foi pra cima e abriu o placar, aos 26 minutos. Zapata ganhou a disputa com Kimpembe, e a bola sobrou para Pasalic, que recebeu livre pelo lado esquerdo da área e bateu colocado para marcar.

Desfalcado, o PSG contava apenas com Neymar para criar as principais chances, e desceu para o intervalo sem conseguir balançar as redes. Na volta, a equipe continuou com dificuldades, apostou na entrada de Mbappé, que se recuperou da lesão no tornozelo para jogar os 30 minutos finais.

Mesmo com o craque francês em campo, o Paris Saint-Germain continuou sem conseguir levar perigo ao gol italiano. A Atalanta reforçou a marcação em Neymar, e parecia levar a vitória no tempo normal. Até que aos 44, Neymar recebeu do lado esquerdo, foi travado, mas a bola sobrou para Marquinhos, que completou para as redes igualando a partida. E já nos acréscimos, aos 48, Neymar acionou Mbappé na direita, e o francês cruzou para Choupo-Moting anotar o gol da classificação.