Bastidores

Ministério Público entra com ação contra o Vasco da Gama

Gazeta
Gazeta Esportiva
Ministério Público entra com ação contra o Vasco da Gama

25 de maio de 2021 - 16:57 - Atualizado em 25 de maio de 2021 - 17:15

O caso das 186 demissões de funcionários do Vasco no início da gestão de Jorge Salgado ganhou mais um capítulo nesta terça-feira. O Ministério Público entrou com uma ação contra o clube por crime de desobediência.

O presidente vascaíno Jorge Salgado durante coletiva de imprensa (Foto: Divulgação/ Rafael Ribeiro)

Na ação, o MPT pede o pagamento de multa pelo não cumprimento da readmissão dos funcionários. O órgão pede o bloqueio dos bens e receitas do time com cotas de TV e venda de jogadores.

O Vasco recorreu da decisão e espera resposta do STF, em Brasília. Neste período, o clube propôs um acordo coletivo que foi negado pelo demitidos.

A demissão dos funcionários aconteceu em março. Na ocasião, o presidente Jorge Salgado afirmou que os cortes fariam o Vasco economizar 35% de sua folha salarial.

Dentro de campo, os cruzmaltinos iniciam a preparação para o início da Série B do Campeonato Brasileiro. A equipe estreia na manhã deste sábado, contra o Operário-PR, em São Januário.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.