Gazeta
Gazeta Esportiva

30 de junho de 2020 - 18:59

Atualizado em 30 de junho de 2020 - 18:59

Atlético Madrid

Messi marca pela 700ª vez, mas Barça fica apenas no empate com o Atl. de Madrid

Nesta terça-feira, pela 33ª rodada do Campeonato Espanhol, o Barcelona empatou, em casa, com o Atlético de Madrid, por 2 a 2, e se complicou na briga pelo título. Apesar do resultado negativo, o jogo foi histórico para Lionel Messi, que alcançou a marca de 700 gols na carreira.

Os visitantes começaram agressivos, partindo para cima e pressionando a saída de bola dos anfitriões. E a estratégia do técnico Simeone funcionou no início. Tanto é que a primeira grande chance foi do seu time. Carrasco cruzou da linha lateral, a bola passou por todo mundo e tirou tinta da trave.

Contudo, a resposta dos mandantes foi fatal. Aos 11 minutos, Diego Costa foi tentar afastar a cobrança de escanteio de Messi, mas acabou mandando contra a própria meta, inaugurando o marcador. No lance seguinte, o atacante espanhol teve a chance de se redimir. Vidal derrubou Carrasco na área e o árbitro sinalizou pênalti. Na cobrança, Diego Costa parou na defesa de Ter Stegen, porém o juíz mandou voltar ao ver que o arqueiro se adiantou. Na segunda vez, quem bateu foi Saúl, que não desperdiçou e empatou.

A partir de então, o Barça passou a dominar a posse de bola, mas encontrou muitas dificuldades para furar a forte marcação. A melhor oportunidade partiu dos pés de Messi, aos 41, em cobrança de falta. A batida do argentino desviou na barreira e Oblak teve que fazer uma grande defesa para evitar o tento.

Na segunda etapa, a superioridade enfim se transformou em gol, e um gol histórico. Semedo foi derrubado na área por Felipe e o árbitro marcou penalidade máxima. Na cobrança, Lionel Messi fez um golaço. Bateu de cavadinha e, além de recolocar os catalães na frente, marcou seu gol de número 700 na carreira.

Entretanto, o Atlético de Madrid voltou a empatar, e mais uma vez de pênalti, o terceiro da partida. Em um lance muito polêmico, Carrasco caiu dentro da área e teve a falta confirmada. Saúl bateu e converteu.

Precisando vencer, os anfitriões partiram novamente para a pressão, mas a história da primeira etapa se repetiu. A defesa Colchonera se posicionou muito bem, não deixando os rivais criarem. Com isso, a partida terminou empatada.

Lluis GENE / AFP

Com o resultado, o Barcelona se complicou na briga pelo título do Campeonato Espanhol. Isso porque o clube catalão pode ver o Real Madrid abrir quatro pontos na liderança, faltando apenas cinco rodadas para o fim. Os merengues enfrentam o Getafe na quinta-feira. Já o Atlético se manteve na terceira posição, com 59 pontos.

Confira outros resultados desta 33ª rodada:

Mallorca 5 x 1 Celta de Vigo

Leganés 0 x 3 Sevilla