Bastidores

Maurício Barbieri lamenta rebaixamento do Goiás: “Não foi construído hoje”

Gazeta
Gazeta Esportiva

22 de fevereiro de 2021 - 11:35 - Atualizado em 22 de fevereiro de 2021 - 11:45

Neste domingo, o Goiás empatou em 0 a 0 com o Red Bull Bragantino, confirmando seu rebaixamento à Série B. Hoje treinador do clube paulista, Maurício Barbieri teve uma passagem pelo Esmeraldino em 2019. O técnico lamentou a queda da equipe, mas entende que foi o resultado de toda uma temporada, e não desta partida.

“Em relação ao rebaixamento, por ter passado por aqui e ter um carinho pelo clube, claro que não estou feliz com essa história. Mas isso não foi construído nesse jogo, foi no decorrer do campeonato. E a verdade é que, mesmo com uma vitória deles aqui hoje, podia ser que não fosse o suficiente. Sinto pelo rebaixamento e pela grande equipe que é, mas como é uma grande equipe tenho certeza que vai dar a volta por cima também”.

O empate não só rebaixou o Goiás, como também tirou do Bragantino a chance de chegar à Libertadores de 2021. O treinador do Massa Bruta analisou a partida e, quando questionado sobre a falta “algo a mais”, disse achar o termo subjetivo, e justificou a dificuldade pela forma como o jogo se desenvolveu.

“Sobre o algo a mais, é muito difícil dizer, é uma questão muito subjetiva. No primeiro tempo a gente criou boas oportunidades de gol e não fez. No segundo o jogo saiu um pouco mais do controle. Não acho que o Goiás tenha tido grandes oportunidade claras, mas ficou um jogo mais físico, que não nos favoreceu”.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.