Esportes

Marinho valoriza campanha do Santos e confia em período de treinos antes do Boca

Gazeta
Gazeta Esportiva

27 de dezembro de 2020 - 19:30 - Atualizado em 28 de dezembro de 2020 - 00:00

Marinho optou por valorizar a campanha do Santos após o empate em 1 a 1 com o Ceará na noite deste domingo, na Vila Belmiro, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O atacante lembrou de algumas projeções para o Peixe na briga contra o rebaixamento. O Alvinegro é o oitavo neste momento.

“Incomoda (a sequência de quatro jogos sem vitórias), porque a gente jogando em casa tem que vencer, tem que fazer valer o mando, mas a gente não joga sozinho, jogamos contra uma equipe cascuda, tem que reconhecer o adversário quando ele vai bem, tem muitos jogadores de qualidade. É focar no que a gente está trabalhando, muita gente achou que a gente ia estar em 17º, mas só a gente sabe que com trabalho a gente chega cada vez mais longe”, disse Marinho, ao Premiere.

O camisa 11 aposta no período de treinamentos para o Santos jogar em alto nível as semifinais da Libertadores contra o Boca Juniors (ARG) nos dias 6 e 13 de janeiro. A ida será em Buenos Aires.

“É virar a chave, aproveitar os dias de treinamento e virar a chave para Libertadores. A gente não tem grupo grande, não tem como tirar todo mundo, mas é isso, dia 6 tem Libertadores”, afirmou.

“Sobre mim, só vivo essa fase graças a equipe. Agora é terminar 2020 bem e conseguir coisas maiores em 2021”, concluiu.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.