Esportes

Marinho não se anima com sondagens e só aceita sair do Santos por proposta irrecusável

Gazeta
Gazeta Esportiva

16 de fevereiro de 2021 - 07:00 - Atualizado em 16 de fevereiro de 2021 - 17:00

Rei da América, Marinho não pretende sair do Santos nos próximos meses. A não ser que pinte uma proposta irrecusável para ele e para o Peixe. O contrato termina em 31 de dezembro de 2022.

O atacante recebeu sondagens recentes, principalmente do Oriente Médio, e não quis ouvir antes da final da Libertadores da América. Na sequência da competição continental, também não se empolgou com o interesse.

Os representantes de Marinho relatam que o camisa 11 se encontrou no Santos e em Santos. Ele ama o clube e a cidade e pela primeira vez ocupa lugar de liderança em um elenco profissional.

O carinho é tão grande a ponto de Marinho ter tatuado o símbolo do Peixe, a Vila Belmiro e o “4% é muito”, frase de Alison que se tornou um mantra na campanha da Libertadores.

Aos 30 anos, Marinho pensa em ser campeão pelo Santos pela primeira vez e cogita até renovar seu contrato. Ao mesmo tempo, o jogador sabe da dificuldade financeira do Peixe e da necessidade de fazer seu pé de meia. E é apenas esse motivo que pode fazê-lo sair antes do previsto.

Para Marinho ser negociado, ele e o Santos precisariam receber muito. E nada nesse nível chegou até agora.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.