Esportes

Mano Menezes brinca sobre terceiro cartão amarelo e suspensão: ‘Demorou, né?’

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

30 de setembro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 30 de setembro de 2019 - 00:00

O técnico Mano Menezes brincou sobre o fato de estar suspenso para o próximo compromisso do Palmeiras no Campeonato Brasileiro contra o Atlético-MG, em São Paulo, no domingo. O treinador recebeu o cartão amarelo por reclamação no empate contra o Internacional por 1 a 1, em Porto Alegre, e já tinha outros dois da época em que comandava o Cruzeiro. A equipe deve ser comandada pelo auxiliar Sidnei Lobo na partida.

“Demorou, né? Pelo meu histórico. Tem outros bem à minha frente, já estiveram suspensos duas vezes. E já fizeram cinco vezes mais do que eu fiz, já brigaram na beira do campo, já teve treinador que deu tapa no rosto do outro jogador e não levou amarelo. Eu falei uma vez com o árbitro, só depois do gol anulado”, afirmou Mano Menezes.

Outro lance que marcou o treinador no estádio Beira-Rio foi uma troca de provocação com os torcedores do Internacional. Vale lembrar que Mano Menezes ganhou projeção no futebol brasileiro justamente no rival Grêmio.

“Foi uma brincadeira. Eles estavam brincando comigo que eu estava chorando, aí eu falei que vai chegar a hora para eles com lances semelhantes a esse. No meio da semana, o torcedor que estava me zoando provavelmente estava chorando com o lance do Guerrero”, disse o técnico, lembrando da expulsão do peruano no jogo contra o Flamengo.

BRIGA PELA LIDERANÇA – Mesmo após perder os 100% de aproveitamento no comando do Palmeiras (seis jogos, com cinco vitórias e agora um empate), Mano Menezes ainda vê a disputa pelo título do Brasileirão com o Flamengo em aberto.

“Penso que ainda existem outras equipes que estão em posições capazes de ter uma reação. Nunca se sabe como um campeonato vai se desenvolver. Daqui a pouco pode nos desmentir”, opinou. “Quase que o primeiro turno do Palmeiras foi impecável e as pessoas diziam que o Palmeiras seria campeão com folga. Mas voltamos para a disputa do título. Eu quero que a equipe siga assim. Nós temos que fazer a nossa parte. Um aproveitamento alto e um número de vitórias grandes, como estamos fazendo agora. Temos que manter isso”, completou.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.