Bastidores

Manchester City aciona o TAS para reverter suspensão da Uefa

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

26 de fevereiro de 2020 - 00:00 - Atualizado em 26 de fevereiro de 2020 - 00:00

Lindsey Parnaby / AFP

O Manchester City promete usar todas as armas para reverter a suspensão de dois anos de todas as competições europeias. Nesta terça-feira, a equipe inglesa ingressou com uma ação no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), uma corte que regulamenta questões esportivas depois que todas as instâncias possíveis foram utilizadas.

“Não se pode adiantar, neste momento, quando é que será tomada uma decisão final sobre este processo”, comunicou o TAS em relação ao caso.

A punição ao City foi confirmada neste mês de fevereiro em função de graves violações do clube ao fair-play financeiro.  A Uefa considerou que o time inflacionou a receita de patrocínio nas suas contas e nas informações de equilíbrio financeiro enviadas entre 2012 e 2016.

A situação ficou ainda pior pelo fato de o City não ter cooperado com as investigações. Junto com a exclusão das competições, o clube acabou multado em 30 milhões de euros (cerca de 143,5 milhões de reais).

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.