Esportes

Luan Peres, do Santos, relembra solidão na Bélgica: “Difícil demais”

Gazeta
Gazeta Esportiva

27 de setembro de 2020 - 06:00 - Atualizado em 27 de setembro de 2020 - 06:30

Luan Peres é titular absoluto do Santos e está feliz dentro e fora de campo. Entre 2018 e 2019, porém, a realidade do zagueiro foi bem diferente.

Luan não se adaptou bem ao Brugge, da Bélgica. O clima, a ausência da família e a comissão técnica foram os motivos.

“Estou namorando agora, mas estava sozinho no Brugge. Solteiro. É difícil demais ir para um país gelado, onde não se fala a língua principal, o holandês. Meu pai ia uma vez ou outra, mas não sempre. A parte de solidão foi forte. E dentro de campo não estava ajudando muito, ficava muitos jogos fora. Meu GPS sempre dá alto para zagueiro aqui, lá me cobravam que corria pouco. Parte física me desgastou muito, isso me desgastou com a comissão técnica. Quando recebi proposta do Santos, não pensei duas vezes. Grêmio tentou, Brugge recusou um mês antes. E depois veio a do Santos e deu certo”, disse Luan Peres, em entrevista à TV Gazeta.

Luan Peres está emprestado pelo Brugge ao Santos até dezembro. Na Bélgica, o contrato só termina em 2022. O atleta espera ao menos pela liberação para ficar no Peixe até fevereiro, mês do fim do Campeonato Brasileiro.

“Conversei há uns dois meses com o William (Thomas, ex-diretor), que não está mais. Ele disse que tentaria convencer o Brugge. Por mim quero ficar, sim, até o fim da temporada e não depende só de mim. Até por questão de ética, entendendo a pandemia, acho que Brugge pode me liberar por dois meses. Falando em compra, não sei como será. Ainda não conversamos. Nem falaram sobre querer ou não ter condições. Não sei o que pode acontecer ainda”, afirmou Luan.

Luan Peres tem 26 anos e chegou ao Santos no segundo semestre de 2019. O zagueiro tem 36 partidas pelo Peixe e é titular absoluto na temporada.