Esportes

Lazaroni vê castigo em empate do Athletico: “A vitória estava em nossas mãos”

Gazeta
Gazeta Esportiva

27 de junho de 2021 - 23:43 - Atualizado em 28 de junho de 2021 - 00:00

O Athletico-PR viu a chance de pular para a liderança do Brasileirão escapar no último minuto da partida contra a Chapecoense, neste domingo. Atuando em casa, o Furacão vencia o embate até os acréscimos do segundo tempo, quando Geuvânio foi às redes e definiu o empate de 2 a 2.

Nesta noite, com Antônio Oliveira suspenso, o clube paranaense foi dirigido pelo Bruno Lazaroni, que lamentou o resultado.

“É difícil explicar. A vitória estava em nossas mãos. É claro que tem explicação, mas vamos tratar internamente. Os jogadores lutaram, se dedicaram, tivemos oportunidades de construir uma vantagem ainda maior e fomos castigados no último minuto”, afirmou em coletiva.

“O campeonato é bastante nivelado. Se formos analisar, a Chapecoense nos últimos jogos fora, empatou com Atlético Mineiro e São Paulo. Não tem facilidade. É uma equipe que veio com uma proposta bem definida e conseguiu o gol no último minuto”, completou.

Com o resultado, o Athletico se manteve na segunda colocação, com 13 pontos, um a menos que o líder Bragantino, que enfrenta o Atlético-GO nesta segunda-feira.

O Furacão volta a campo agora na próxima quarta-feira, às 16 horas (de Brasília), quando visita o Fluminense, pela oitava rodada do Nacional.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.