Corinthians

Julgamento de Jô volta a colocar pressão para o retorno de Boselli no Corinthians

Gazeta
Gazeta Esportiva

26 de setembro de 2020 - 06:00 - Atualizado em 26 de setembro de 2020 - 06:15

Dyego Coelho só vai saber se poderá contar com Jô diante do Atlético-GO na quarta-feira, dia do jogo, horas antes da bola rolar, por causa do julgamento sobre o caso do centroavante, no STJD.

Mais uma vez, a expectativa pelo retorno de Mauro Boselli será grande dentro do Corinthians. O argentino ainda se recupera de uma torção no tornozelo esquerdo e sequer tem treinado com o grupo, nos campos do CT Joaquim Grava.

Boselli não joga desde o empate por 2 a 2 com o Botafogo, na Neo Química Arena, dia 5 de setembro. Na oportunidade, o camisa 17 foi colocado apenas aos 41 minutos do segundo tempo.

Quando não teve nenhum de seus centroavantes à disposição, Coelho optou por improvisar Mateus Vital na frente. Na ocasião, o Corinthians venceu o Bahia por 3 a 2, em Itaquera.

Jô já fez 14 partidas pelo Corinthians nessa temporada, todas como titular, e marcou cinco gols, o último deles justamente diante do Botafogo, na oitava rodada do Campeonato Brasileiro.

Mauro Boselli, além da lesão e do tempo parado, vive um momento desfavorável no clube. O experiente jogador perdeu a titularidade e não deve ter o contrato, que vence em dezembro, renovado.

Além do problema envolvendo a referência do ataque alvinegro, é certo que o Corinthians não terá Fagner na próxima quarta-feira, pois o lateral terá de cumprir suspensão automática devido ao terceiro cartão amarelo.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.