Esportes

Gabriel Pires falou sobre a queda, o novo técnico e o que esperar do Paraná para 2021

“Com certeza muita raça, que é uma coisa que o professor pede muito pra nós”, disse o meia

Mariana
Mariana Becker
Gabriel Pires falou sobre a queda, o novo técnico e o que esperar do Paraná para 2021
(Créditos: Rui Santos/Paraná Clube)

20 de fevereiro de 2021 - 10:56 - Atualizado em 20 de fevereiro de 2021 - 10:57

Formado nas categorias de base do Paraná Clube, o meia Gabriel Pires é um dos remanescentes da equipe da última temporada, o jogador esteve em 28 jogos em 2020 e marcou um gol. O jogador falou sobre a queda para a Série C e um possível retorno à segunda divisão.

“Acho que essa culpa por um lado é até boa pra mim, eu levo isso como uma motivação, porque foi doído a gente ter esse rebaixamento, mas eu tenho certeza que com muito trabalho e fazendo tudo o que o professor mandar a gente vai concluir bem esse ano e vamos voltar para a Serie B.”

O jogador também falou sobre sua posição em campo e disse que prefere jogar como meio-campo.

“Eu me sinto melhor dentro de campo, a gente quer sempre estar jogando para ajudar a equipe, mas conversei com o professor e ele entendeu, ele mesmo teve a opinião dele. Me identifico melhor jogando pelo meio, mas pro que precisar a gente vai estar fazendo o possível.”

Sobre o novo técnico, Maurílio Silva é ídolo da torcida paranista como jogador e retorna para o clube como técnico pela primeira vez e tem a missão de levar o Tricolor de volta à Série B do Campeona

“O professor é muito claro com a gente, bem transparente, ele deixa o grupo bem leve, deixa a gente bem a vontade para trabalhar e eu acho que isso é muito positivo para todos nós. O ambiente de trabalho acho que é tudo e do jeito que o professor está trabalhando, muitas coisas boas estão por vir aí.”

Para finalizar o jogador falou sobre o que se pode esperar da equipe para 2021 e principalmente para o Campeonato Paranaense, primeira competição do ano.

“Eles podem esperar com certeza muita raça, que é uma coisa que o professor pede muito pra nós, ter a vontade de jogar. Pelos treinos que a gente vem fazendo nessa pré-temporada, pode ter certeza que vontade nunca vai faltar e a qualidade a gente vai dar um jeito, seja como for a gente vai vencer.”

O primeiro compromisso do Tricolor da Vila está marcado para o dia 28 de fevereiro. A estreia no estadual acontece diante do FC Cascavel, às 16h, no estádio Olímpico Regional em Cascavel.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.