Libertadores

Athletico convence e conquista a vitória mais uma vez na Libertadores

Com gols contra de Suazo e Felipe Campos, Athletico conquista mais uma vitória na Libertadores e garante a liderança isolada do grupo C.

Eduardo
Eduardo Demeterco
Athletico convence e conquista a vitória mais uma vez na Libertadores
Créditos: Fábio Wosniak/Athletico

23 de setembro de 2020 - 21:20 - Atualizado em 23 de setembro de 2020 - 21:20

Nesta quarta-feira (23) o Athletico enfrentou o Colo-Colo na Arena da Baixada pela quarta rodada da Libertadores. Com dois gols contra, o Furacão conquista mais uma vitória e garante a liderança isolada do grupo C na competição.

Na próxima rodada o Athletico enfrenta o Jorge Wilstermann na Arena da Baixada em uma partida válida pela quinta rodada da fase de grupos no dia 29 de setembro (terçaa-feira) às 21h30 (horário de Brasília).

Athletico 2 x 0 Colo-Colo

O Athletico do técnico Eduardo Barros demonstrou uma tática vertical desde o início da partida. O atacante Mouche precisou ser substituído logo no início pois sentiu dores. Aos 6 minutos de jogo, o Furacão abriu o placar com gol contra de Suazo. Em uma cobrança de escanteio, Pedro Henrique cabeceou para o gol e a bola desviou no atleta do Colo-Colo e abriu o placar.

O time rubro-negro seguiu no ataque e aos 13 minutos de jogo, Christian e Leo Cittadini traçaram uma boa jogada que terminou em uma dividida entre o volante Erick e Ocampos e com isso, o Furacão ampliou a partida com mais um gol contra, 2×0.

Na segunda etapa, o Athletico administrou a partida dentro de casa e continuou incisivo no ataque. O goleiro Santos não teve tantas chances para mostrar o seu trabalho nesta partida. Mesmo com alterações, o clube chileno não ofereceu perigo ao gol athleticano.

Com a vitória o Athletico garante a liderança isolada do Grupo C com 9 pontos enquanto a segunda posição pertence ao Colo-Colo com 6 pontos conquistados.

Ficha técnica

Athletico 2 x 0 Colo-Colo
Local: Estádio Joaquim Américo Guimarães, Curitiba-PR.
Data: 23 de setembro de 2020 (quarta-feira)
Horário: 19h15 (horário de Brasília).
Arbitragem: Fernando Rapallini será o árbitro. Ele terá o auxílio de Juan Belatti e Pablo González. A Libertadores não possui VAR.

Athletico: Santos; Jonathan (Jorginho), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Márcio Azevedo (Abner); Wellington, Erick, Pedrinho (Geuvânio), Leo Cittadini (Lucho) e Christian (Léo Gomes); Fabinho.
Técnico: Eduardo Barros.
Gol: Suazo (contra) e Felipe Campos (contra).

Colo-Colo: Cortés; Opazo (Soto), Felipe Campos, Insaurralde e De La Fuente (Véjar); Fuentes, Suazo, Matías Fernández (Carmona) e Bolados (Gabriel Costa); Parraguez e Mouche (Leo Valencia).
Técnico: Gualberto Jara.
Cartão amarelo: Soto e Insaurralde.