Futebol

Coritiba faz grande partida, domina Palmeiras e vence no Allianz Parque

Robson foi o grande destaque da noite, ao marcar dois gols e dar o passe para o gol de Giovanni Augusto. Resultado tira o Coxa da ZR.

Guilherme
Guilherme Almeida
Coritiba faz grande partida, domina Palmeiras e vence no Allianz Parque
Jogadores do Coritiba comemoram com Róbson, autor de dois gols na partida (Foto: Reprodução/Coritiba)

14 de outubro de 2020 - 20:05 - Atualizado em 14 de outubro de 2020 - 20:07

Na noite desta quarta-feira (14), Palmeiras x Coritiba se enfrentaram no Allianz Parque, em partida válida pela 16° rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

Dominante desde o início, o Coxa contou com grande atuação de Robson, para vencer por 1 x 3 e sair, momentaneamente, da Zona de Rebaixamento.

Com o resultado, o Coritiba vai à décima quinta posição, com 16 pontos. O Coxa aguarda o complemento da rodada para saber se permanece fora da ZR. Já o Palmeiras, com a terceira derrota seguida, segue na sétima posição, com 22 pontos, mas ainda pode cair na tabela, com os demais jogos.

Na próxima rodada, o Coritiba recebe o Santos, no próximo sábado (17), às 19h, no Couto Pereira. Já o Palmeiras visitará o Fortaleza, no Castelão, no domingo (18).

Palmeiras 1 x 3 Coritiba

O Coritiba começou pressionando a saída de bola do Palmeiras, e não demorou muito para abrir o placar. Aos 07, Giovanni Augusto cruzou na segunda trave, para Robson, sozinho, completar para o gol.

O Coxa não diminuiu o ímpeto, e ampliou aos 23, novamente com Robson, que recebeu na entrada da área, girou e bateu no ângulo de Weverton, marcando um belo gol.

Controlando o jogo e vencendo com autoridade, o Coritiba não dava espaços para o Palmeiras, porém, uma falha de marcação permitiu que o Palmeiras diminuísse. Aos 37, Patrick de Paula recebeu e deu uma cavadinha para Gabriel Veron, que dominou no peito e chutou, sem chances para Wilson, dando números finais a primeira etapa.

O Palmeiras aumentou a pressão na saída de bola coxa-branca. Willian e Gabriel Veron foram os atletas que mais incomodaram a defesa do Coritiba, porém, quando foi exigido, Wilson deu conta do recado.

Aos 19, o Coxa ampliou. Robson recebeu pela esquerda e cruzou para Giovanni Augusto completar de carrinho. O gol deu uma tranquilizada na partida. O Palmeiras só chegou com perigo aos 39 minutos, com Rony, que deu um peixinho, exigindo grande defesa de Wilson. Mas foi só. O placar ficou mesmo em 1 x 3 para o Coritiba.

Ficha Técnica

Local: Allianz Parque, São Paulo/SP

Data: Quarta-feira, 14 de outubro de 2020

Horário: 18h00

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha (Rony), Felipe Melo, Renan e Lucas Esteves (Willian); Patrick de Paula (Danilo), Gabriel Menino e Gustavo Scarpa; Zé Rafael (Ramires); Gabriel Veron e Luiz Adriano (Raphael Veiga). Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Gols: Gabriel Veron, aos 37 do 1°T

Cartões amarelos: Zé Rafael, aos 20 do 1°T; Felipe Melo, aos 07 do 2°T; Gabriel Veron, aos 47 do 2°T

Coritiba: Wilson; Natanael, Henrique Vermudt (Ramón Martinez), Sabino e William Matheus; Hugo Moura, Matheus Galdezani (Matheus Bueno) e Yan Sasse (Gabriel); Giovanni Augusto, Robson (Mattheus Oliveira) e Rodrigo Muniz (Neilton). Técnico: Jorginho

Gols: Robson, aos 07 e aos 23 do 1°T; Giovanni Augusto, aos 19 do 2°T

Cartões amarelos: Yan Sasse, aos 03 do 1°T; Sabino, aos 46 do 2T

Arbitragem

Arbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)

Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Bruno Raphael Pires (Fifa-GO)

Quarto Arbitro: Lucas Canetto Bellote (SP)

VAR: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Assistentes do VAR: Rodrigo Batista Raposo (DF) e Ciro Chaban Junqueira (DF)