Argentina

Conmebol informa que detectou testes falsos de covid para final no Maracanã

Gazeta
Gazeta Esportiva

10 de julho de 2021 - 15:14 - Atualizado em 10 de julho de 2021 - 15:30

Neste sábado, dia da final da Copa América no Maracanã entre Brasil e Argentina, às 21h (de Brasília), a Conmebol informou, através de comunicado oficial, que foi detectada uma ”quantidade considerável” de testes PCR  para covid-19 fraudulentos de pessoas credenciadas para assistir à partida tanto do lado brasileiro quanto do argentino.

Na última sexta-feira, a prefeitura do Rio de Janeiro divulgou que a decisão no Maracanã receberia um público equivalente a 10% da capacidade total do estádio, com os presentes sentados e tentando cumprir um distanciamento de dois metros.

Para o acesso ao jogo, todos os torcedores precisam mostrar um teste PCR negativo de até 48 horas antes da partida. A entidade informou que os portadores dos testes falsos não poderão entrar no estádio.

”A Conmebol garante que os controles para entrada na final da Copa América serão extremamente rigorosos, assim como a aplicação de protocolos de saúde e medidas de prevenção”, disse o comunicado.