Futebol Paranaense

Técnico Alemão testa positivo para a Covid-19 e desfalca o Londrina contra Ypiranga e Remo

O treinador não apresenta sintomas graves e passa bem. Por conta do protocolo da CBF, Alemão não comanda o LEC nos últimos jogos da segunda fase

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais Texto escrito por Vinícius Eira
Técnico Alemão testa positivo para a Covid-19 e desfalca o Londrina contra Ypiranga e Remo
Alemão testou positivo para Covid-19 nesta semana e desfalca o Londrina nos próximos dois jogos (FOTO: Gustavo Oliveira/Londrina EC)

8 de janeiro de 2021 - 15:26 - Atualizado em 8 de janeiro de 2021 - 15:26

O Londrina comunicou nesta sexta-feira (8), que o técnico Alemão testou positivo para a Covid-19. O treinador passa bem, não apresenta sintomas mais graves e por conta do protocolo da CBF, que exige o afastamento do profissional em, no mínimo 10 dias, Alemão desfalca o Londrina contra Ypiranga no próximo fim de semana, e contra o Remo na última rodada.

Alemão foi o único no elenco a testar positivo na bateria de exames feita durante a semana. Além dele, o zagueiro Caio Bacarin também está afastado do clube por conta do vírus, detectado na terça-feira passada. Demais atletas e funcionários estão liberados para treinos e demais atividades.

Quem comanda a equipe nos próximos treinos e jogos será o auxiliar técnico Warta, que foi zagueiro do Londrina nos 1980 e 1990, e já atuou também como preparador físico do Tubarão no início dos anos 2000. Warta está na função como auxiliar técnico de Alemão desde o ano passado.

O auxiliar técnico Warta comanda a equipe no restante da competição (FOTO: Gustavo Oliveira/Londrina EC)

O técnico Alemão já vinha se preparando para a partida contra o Ypiranga, e havia realizado entrevista coletiva ontem (7), projetando um jogo difícil contra uma equipe muito qualificada.

“A equipe do Ypiranga, no meu modo de ver, é a melhor equipe tecnicamente e em conjunto no geral de todas as equipes que já enfrentamos na competição. É uma equipe que trabalha muito bem a bola, que tem muita mobilidade no meio de campo, muita velocidade pelas alas, que possui laterais que apoiam muito bem com a bola e uma zaga segura. Então, certamente vai ser um jogo muito difícil para nós, que vai nos exigir demais e que vai exigir que a gente tenha erro zero”, afirmou Alemão.

Além disso, o técnico do Tubarão disse que o grupo vem trabalhando forte, entendendo bem a situação de cada partida, e que já está acostumado a esse tipo de jogo, afinal, o Londrina passou toda a Série C precisando vencer em casa para compensar os resultados que obteve longe do Estádio do Café. Na primeira fase, foram nove jogos como mandantes, com oito vitórias e um empate. E quando teve que viajar, o LEC viveu um drama, não vencendo nenhuma partida, empatando quatro e saindo derrotado em cinco.

Já em relação a mudanças táticas, Alemão sinalizou que a equipe precisava voltar a ser mais agressiva dentro do Estádio do Café, mantendo o controle do jogo, sendo ofensiva e pressionando o adversário. Para isso, o time que deveria começar jogando no domingo pode ter peças mais leves, versáteis e quem busquem o ataque.

O Londrina enfrenta o Ypiranga, sem Alemão, neste domingo (10), às 20 horas, no Estádio do Café, em Londrina-PR.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.