Futebol Paranaense

Coritiba fecha parceria com Grande Reserva Mata Atlântica para o início do Brasileirão

Coritiba se torna parceiro institucional da iniciativa Grande Reserva Mata Atlântica com ações inéditas de valorização da natureza
Redação RIC Mais
Redação RIC Mais Com informações da assessoria
Coritiba fecha parceria com Grande Reserva Mata Atlântica para o início do Brasileirão
Instituição atua pela preservação do bioma e favorecimento do desenvolvimento local (Foto: Divulgação/Coritiba)

28 de maio de 2021 - 21:03 - Atualizado em 28 de maio de 2021 - 21:03

O Coritiba preparou para a estreia no Campeonato Brasileiro uma nova e inédita parceria institucional. A partir do confronto contra o Avaí, o Verdão vai estampar em seu uniforme a marca da iniciativa Grande Reserva Mata Atlântica.

A iniciativa tem como objetivo a divulgação do maior remanescente da floresta tropical, a fim de fortalecer a sua proteção, estimular o turismo responsável e favorecer o desenvolvimento socioeconômico local, protegendo e respeitando o meio ambiente.

A parceria entre o Coritiba e a Grande Reserva Mata Atlântica busca fortalecer ainda mais a proteção de um território que conta com 2,2 milhões de hectares de floresta tropical contínua (o equivalente a pouco mais de 2 milhões de estádios de futebol) com uma enorme e diversa vida selvagem, montanhas, cavernas, cachoeiras, baías, manguezais e praias do oceano atlântico.

“Essa foi a forma de traduzirmos o verde do nosso escudo em uma ação voltada à proteção da natureza, que é um patrimônio de todos a ser cuidado e zelado. A partir de agora, outros projetos voltados ao fortalecimento da Grande Reserva Mata Atlântica serão realizados pelo Coritiba, envolvendo torcedores, sócios, atletas do plantel profissional e das categorias de base”

Renato Follador, presidente do Coritiba

Ricardo Aguiar Borges, um dos coordenadores da iniciativa, destaca que a Grande Reserva Mata Atlântica é um esforço construído a muitas mãos. “Todos os apoiadores reconhecem a importância da conservação da natureza para suas atividades e para a sociedade como um todo”, diz ele.

Ricardo lembra que a combinação de riquezas culturais e de natureza com áreas densamente povoadas da Grande Reserva oferece a rara oportunidade de usufruir de paisagens únicas a partir de atividades turísticas sustentáveis e responsáveis.

“Ao mesmo tempo em que esse território abriga cidades coloniais das mais antigas do Brasil, além de comunidades tradicionais e indígenas, está muito próximo de dois dos maiores centros urbanos do país – São Paulo e Curitiba – além da maior cidade de Santa Catarina, que é Joinville”

Ricardo Aguiar Borges, coordenador da Grande Reserva Mata Atlântica

Com a parceria entre a Grande Reserva e o Coritiba, a sociedade passa a ser ainda mais estimulada a vivenciar experiências únicas em locais próximos à capital paranaense e, assim, contribuir para o fortalecimento do turismo ecológico responsável.

“São atividades de ecoturismo, gastronomia para todos os gostos e bolsos, entre outras, que podem ser realizadas, favorecendo a economia de municípios e comunidades que preservam essa grande e importante porção de natureza bem preservada”

Ricardo Aguiar Borges, coordenador da Grande Reserva Mata Atlântica

Para saber mais sobre a Grande Reserva Mata Atlântica, clique aqui. E para se programar para vivenciar a experiência da Grande Reserva Mata Atlântica, clique aqui.