Atlético-MG

Fluminense testa boa fase contra o Atlético-MG

Gazeta
Gazeta Esportiva
Fluminense testa boa fase contra o Atlético-MG

13 de outubro de 2020 - 20:00 - Atualizado em 13 de outubro de 2020 - 20:15

O Fluminense embalou no Campeonato Brasileiro e segue entre os líderes. No entanto, nesta quarta-feira, os tricolores terão pela frente o Atlético-MG, em Belo Horizonte.

Os donos da casa estão na liderança do Campeonato Brasileiro. Além disso, o Atlético-MG não têm dado chance aos adversários quando atua em seus domínios. A equipe é a única 100% com o mando de campo.

Mesmo com o desfalques dos selecionáveis, os mineiros não tiveram dificuldade em passar pelo Goiás no fim de semana. O Atlético-MG vai em busca de mais três pontos para manter a vantagem na ponta da Série A.

(Foto: Divulgação/Atlético-MG)

Só que o Fluminense vai embalado para a partida. Os tricolores não perdem há quatro rodadas e vão tentar surpreender os mineiros.

Para esta partida, o técnico Odair Hellmann deve fazer mudanças na equipe. Os veteranos Nenê e Fred devem começar no banco de reservas. O objetivo é ter um time com mais marcação. Outra substituição é na lateral esquerda. Egídio assume o lugar do suspenso Danilo Barcelos.

O atacante Fernando Pacheco falou sobre como o Fluminense deve atuar no Mineirão.

“Temos que jogar com a mesma confiança que temos feito nos jogos. É um time muito forte, que está em primeiro lugar. Iremos fazer o que temos feito. Vai ser muito bom para nós chegar com a mesma atitude, confiança. É um jogo muito bom fora de casa, que vai ser muito importante somar”, disse.

Os cariocas miram mais um bom resultados na busca por um lugar no G4 do Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-MG X FLUMINENSE

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Data: 14 de outubro de 2020, quarta-feira

Hora: 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Raphael Claus (SP)

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)

VAR: Marcio Henrique de Gois (SP)

ATLÉTICO-MG: Everson, Guga, Réver, Igor Rabello e Guilherme Arana; Jair, Nathan e Hyoran; Sávio, Eduardo Sasha e Keno

Técnico: Jorge Sampaoli

FLUMINENSE: Muriel, Igor Julião, Nino, Digão e Egídio; Hudson, Yuri, Dodi e Yago; Fernando Pacheco e Luiz Henrique

Técnico: Odair Hellmann