Esportes

Felipe Gil sobre o Paraná: “Foi uma convocação, não um convite”

Profissional já esteve presente na partida contra a Ponte Preta em Campinas

Mariana
Mariana Becker
Felipe Gil sobre o Paraná: “Foi uma convocação, não um convite”
(Créditos: Allexandre Aguiar/Paraná Clube)

7 de dezembro de 2020 - 12:01 - Atualizado em 7 de dezembro de 2020 - 12:02

O novo executivo de futebol do Paraná Clube, Felipe Barreto Gil, 38 anos, chegou ao clube já com a missão trazer um novo técnico e contratações pontuais em pouco tempo. O clube ficou pouco mais de um mês sem ninguém no cargo após a saída de Alex Brasil.

“Espero poder contribuir o máximo possível para que a gente consiga o objetivo do clube, estamos focados 100% em relação a isso. Um clube tão grande como esse, precisamos pode manter ele na Série B para que a gente tenha um trabalho um pouco mais tranquilo em relação a resultados.”

O profissional estava no Brasil de Pelotas desde julho de 2020. Antes do clube gaúcho, Felipe foi Coordenador de Futebol no Figueirense (SC), além disso tem passagens por Brusque/SC, Ypiranga/RS, Santa Cruz/RS, São José/SP, Brasil de Farroupilha/RS, Internacional/RS.

“O Paraná é um clube onde todo mundo gostaria de trabalhar e eu não poderia negar essa oportunidade, é um clube gigante dentro do futebol brasileiro e esse objetivo na verdade foi uma convocação, ele não foi um convite. Então quando o presidente me ligou eu não pensei duas vezes porque isso é um convocação e eu espero também da mesma forma como fiz em outros clubes, entregar o máximo de mim para que a gente atinja o objetivo do clube.”

A Paraná vem de cinco derrotas consecutivas e só venceu um dos últimos 14 jogos. Está com 29 pontos, na 15ª posição e somente a quatro pontos de distância da zona de rebaixamento.

“Nós precisamos de um resultado positivo o mais rápido possível para que a partir daí a gente volte a ter o Paraná que a gente viu nas primeiras rodadas e tentar fugir o mais rápido dessa zona incomoda que estamos, ainda não entramos no Z-4 e não vamos entrar.”

Felipe Gil tem até esta segunda-feira (07), para registrar novos jogadores, pelo menos dois atletas devem aparecer no Boletim Informativo Diário (BID). Um deles, vindo de Pelotas, o goleiro Renan acertou com o Paraná na última quarta-feira e pode assumir a meta paranista.

“Precisamos ver realmente o que é a necessidade do clube, e a gente tente nesse curto espaço de tempo não errar para que os atletas que venham consigam dar conta do recado e fazer a gente melhorar na classificação.”

Contratado um dia após a saída de Rogério Micale, o novo executivo esteve presente já na contratação do novo técnico, Gilmar Dal Pozzo.

“Foi um nome de consenso meu e do presidente e a gente acabou optando pela contratação dele, então participamos sim da vinda do professor.”

O novo diretor de futebol do Paraná Clube ainda deixou um recado para a nação Tricolor.

“Pode esperar bastante trabalho, bastante dedicação, pra mim é a oportunidade ouro que eu estou tendo, a minha carreira ela é curta em relação a questão de executivo de profissional, eu admito isso, e eu espero que nesse clube tão grande que me abriu as portas eu possa retribuir essa oportunidade com bastante trabalho, bastante empenho e bastante dedicação.”

O Paraná volta a campo na próxima quarta-feira (09), às 19h15, na Vila Capanema, para confronto direto com o Figueirense na parte debaixo da tabela. A equipe catarinense é a primeira dentro da zona de rebaixando com 25 pontos, quatro a menos que o Tricolor.

Confira a entrevista completa: