Esportes

FC Cascavel vence Rio Branco por 4×1 e termina primeiro turno como líder invicto do Grupo 8

Vitória também foi especial para o atacante Léo Itaperuna, que chegou a marca de 15 gols com a camisa do Cascavel e se tornou o maior artilheiro da história do clube

Aline
Aline Cristina / Repórter com assessoria
FC Cascavel vence Rio Branco por 4×1 e termina primeiro turno como líder invicto do Grupo 8
(Foto: assessoria)

19 de julho de 2021 - 10:01 - Atualizado em 19 de julho de 2021 - 10:01

A equipe do FC Cascavel entrou em campo na tarde deste domingo (18) para enfrentar o Rio Branco pela última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro da Série D. Jogando no Estádio Nelson Medrado Dias em Paranaguá, o time da Serpente Aurinegra fez bonito e conquistou mais uma vitória importante, desta vez pelo placar de 4×1.

Os gols da partida foram marcados pelos atacantes Léo Itaperuna (1), Vinicius (1) e pelo meio-campista Robinho (2). Em um jogo que começou com muita disputa e marcação nos primeiros minutos, prevaleceu a técnica da equipe do Cascavel, que soube aproveitar as chances e construiu o placar logo no 1º tempo.

Depois de um início onde os setores defensivos das duas equipes trabalharam bastante, quem saiu na frente foi a Serpente. Em jogada pelo lado do campo, o lateral-esquerdo Willian tabelou com Robinho, que ajeitou para o centroavante Carlos Henrique. Ele driblou a marcação e cruzou para Léo Itaperuna estufar as redes e abrir o placar aos 22 minutos.

Aos 34 foi a vez do goleiro Ricardo também aparecer no jogo. Na reposição de bola, o arqueiro fez um lindo lançamento para Carlos Henrique que invadiu a área, driblou o goleiro do Rio Branco e sofreu o pênalti. Na cobrança, o meio-campo Robinho bateu no canto e ampliou o marcador. Final do 1º tempo: 2×0 para os visitantes.

Mesmo com a vantagem, o time comandado pelo técnico Tcheco continuou imprimindo um ritmo forte e logo marcou o terceiro gol, aos 6 minutos da etapa complementar. Na jogada, novamente Willian dominou, passou pelos zagueiros e cruzou para Carlos Henrique só ajeitar para Robinho chegar por trás e marcar seu segundo gol no jogo, o terceiro do FC Cascavel.

O Rio Branco até tentou reagir com o camisa 9 Bruno Lopes, que após cobrança de escanteio subiu e, de cabeça, diminuiu para equipe do Leão da Estradinha.

Controlando todas as ações do jogo, Tcheco promoveu a entrada dos meias Echeverría e Bileu e dos atacantes Eduardo, Vinicius e Douglas. Foi então que a famosa lei do ex entrou em cena. Vinicius, que atuou pela equipe adversária no ano passado, recebeu a bola pela ponta esquerda, passou por dois marcadores e sofreu a penalidade. Ele mesmo bateu para fazer o quarto gol do Cascavel e seu primeiro com a camisa do clube. Fim de jogo: Rio Branco 1×4 Cascavel.

“Tivemos dois adversários neste jogo: o time do Rio Branco, que é difícil de bater na Estradinha por todo contexto e história, e o campo realmente. Para um time técnico como o nosso, que propõe o jogo, tivemos que mudar totalmente o estilo. Dentro disso, tivemos que competir muito, mas soubemos aproveitar as oportunidades. A equipe se comportou bem, fomos merecedores pelo que construímos. Os atletas estão de parabéns. Essa liderança não é à toa.”

técnico Tcheco.

Com o resultado, o FC Cascavel soma agora 17 pontos e tem pela frente novamente a equipe do Rio Branco, pelo returno da competição. A partida que acontece no Estádio Olímpico Regional Arnaldo Busatto está marcada para o próximo sábado (24), às 16h.

Melhor campanha do primeiro turno do Brasileirão da Série D

Invicto a 14 jogos, sendo 7 pela competição nacional com 5 vitórias e 2 empates, o Cascavel segue sendo o líder invicto do Grupo 8 com 17 pontos e um aproveitamento de 81%. A campanha conta ainda com 15 gols marcados, 7 sofridos e saldo positivo de 8 gols. Todos esses números colocam a equipe da Serpente Aurinegra como a melhor em aproveitamento do primeiro turno entre os 64 clubes que participaram do Brasileirão.

Léo Itaperuna, o maior artilheiro da história do Cascavel

Com o gol marcado na partida contra o Rio Branco, Léo Itaperuna, ou como a torcida gosta de chamá-lo “Itapemito”, chegou a marca de incríveis 15 tentos com a camisa aurinegra do Cascavel.

Contratado em setembro de 2020 para a disputa do Brasileiro, o atacante balançou as redes em quatro oportunidades naquele ano. Já nesta temporada, somando Copa do Brasil, Campeonato Paranaense e Série D, Léo já alcançou a marca de 11 gols.

Esses números o tornam o maior artilheiro da história do Futebol Clube Cascavel em seus 13 anos de existência, deixando para trás Lucas Tocantins (14 gols) e Paulo Baya (10 gols).

“Partida difícil assim como todas as outras da Série D. Sabíamos das adversidades e do adversário, mas conseguimos construir o placar e manter a liderança. Estou muito feliz por ter alcançado esta marca de 15 gols, ser o maior artilheiro da história do clube. Isso só me dá mais motivação para continuar trabalhando para conquistar nossos objetivos neste ano. Não posso deixar de agradecer minha família, amigos e todo o elenco que contribuiu muito para chegar até aqui.”

Léo Itaperuna – atacante