Esportes

Exclusiva: “Vou honrar a camisa do Coritiba”, afirma Arthur

O goleiro falou sobre a estreia com a camisa alviverde, os conselhos do Wilson, a reconstrução do clube e o que esperar do Coritiba pra 2021

Mariana
Mariana Becker
Exclusiva: “Vou honrar a camisa do Coritiba”, afirma Arthur
(Créditos: Divulgação/Coritiba)

24 de fevereiro de 2021 - 10:31 - Atualizado em 24 de fevereiro de 2021 - 10:43

O jovem goleiro Arthur, 24 anos, estreou no time principal do Coritiba no último dia 13 de fevereiro, contra o Santos, por causa da suspensão do Wilson. Desde então o arqueiro assumiu a meta alviverde no restante do Campeonato Brasileiro. O jogador falou com o RIC Mais sobre a estreia, os conselhos do Wilson e o que esperar do Coritiba para 2021.

Arthur começou a jogar futebol muito cedo, aos seis anos já estava na escolinha do Figueirense e teve o pai como inspiração para escolher a posição que jogaria, “meu pai era goleiro nas brincadeiras de família e sempre me incentivou. Quando comecei na escolinha desde o primeiro dia eu sempre fui goleiro.”

A estreia, o ídolo e outros clubes

O primeiro jogo no profissional vestindo a camisa do Coxa, foi pela 36ª rodada do Brasileirão e foi justamente o que decretou o rebaixamento do clube para a Série B.

“Eu acabei estreando em uma situação difícil para gente, mas eu sabia que eu estava preparado pro jogo, eu trabalhei muito pra chegar na oportunidade que eu tive e sabia que eu ia fazer um jogo tranquilo.”

Após três jogos como titular ele tem uma defesa, da única vitória até o momento, como uma das mais importantes. “Contra o Palmeiras, a defesa do chute do Scarpa foi bastante importante, ainda era o primeiro tempo e conseguimos a vitória nesse jogo.”

Admirador do Wilson desde a época do Figueirense quando entrava em campo com o goleiro, Arthur contou sobre os conselhos que o experiente arqueiro passa durante os treinamentos e o que ele disse antes da partida de estreia.

“No dia a dia, nos trabalhos, eu sempre escuto muito ele, até por ser um goleiro muito experiente, tudo o que ele fala eu tento acatar e seguir da melhor maneira. [Antes da partida contra o Santos] ele falou pra eu fazer o que vinha fazendo nos treinos, fazer o simples que tudo ia dar certo.”

(Créditos: Divulgação/Coritiba)

Arthur conta com experiências em outros times para os quais foi emprestado. Em 2019 atuou no Campeonato Capixaba pelo EC Tupy (cinco jogos) e também teve uma participação com o Foz do Iguaçu na Série D. No começo de 2020, o goleiro esteve em campo pelo Castanhal no campeonato Paraense, onde disputou sete jogos.

E disse que foram essenciais para retornar ao Verdão, “foi bem importante para pegar questão de experiência, pegar rodagem, jogos, com os jogos que eu fiz lá eu me senti mais seguro para poder estrear aqui no Coritiba.”

Assim como o goleiro teve oportunidades de atuar, outros jogadores da base também estão tendo essa chance. “Eu acho importante, é sempre muito importante o clube estar revelando novos atletas e eu espero que todos que entrem deem a vida pelo clube e aproveitem a oportunidade.”

A reconstrução do Coritiba

Após passar por três técnicos e três interinos, o Coritiba contratou o Paraguaio Gustavo Morínigo que chegou uma metodologia diferente no clube.

“O professor Gustavo é um professor que gosta bastante de um futebol competitivo, agressivo, de muita atitude, eu estou gostando muito de trabalhar com ele. Os treinos agora separaram os grupos pra um já focar nessa temporada de 2021. Eu estou tentando agarrar da melhor maneira possível a oportunidade de jogar no Brasileirão, tentando mostrar o meu trabalho e buscando o meu espaço aqui no clube.”

E completou falando sobre a reformulação que vem acontecendo dentro do Verdão e o que esperar do Arthur para essa temporada, “eu fico feliz de estar inserido no grupo para 2021, nessa reconstrução, e espero que eu possa dar bastante alegria ainda para a torcida e pra diretoria também. Pode esperar de mim que todas as oportunidades que eu tiver eu vou honrar a camisa do Coritiba, vou dar meu máximo dentro de campo pra gente sair vitorioso.”

(Créditos: Divulgação/Coritiba)

Sem vencer o estadual há três anos a equipe alviverde vem reformulada para a nova temporada. A competição começa no próximo sábado, e o Coritiba entra em campo no domingo contra o Cascavel CR. Segundo o goleiro,

“o Coritiba está pronto para estrear no estadual, esse ano eu acredito que a metodologia vai ser diferente, uma metodologia de reconstrução do clube e estamos focado agora no Paranaense e na Copa do Brasil 2021.”

Para finalizar, Arthur ainda falou que o torcedor pode esperar um novo Coritiba para 2021. “Pode esperar um Coritiba totalmente diferente, mais competitivo, mais brigador dentro de campo que é isso que a torcida merece.”

O Verdão do Alto da Glória entra em campo na quinta-feira (25), na última rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. A partida é contra o Atlético-GO, às 21h15, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.