Corinthians

Erros individuais minam atuação do Corinthians contra o Fortaleza; veja números

Gazeta
Gazeta Esportiva

27 de agosto de 2020 - 07:00 - Atualizado em 27 de agosto de 2020 - 07:30

O Corinthians não passou de um empate por 1 a 1 com o Fortaleza na noite desta quarta-feira, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

O Timão ficou mais tempo com a bola e criou mais oportunidades que o adversário na Arena, mas o excesso de erros minaram a possibilidade da equipe alvinegra sair de campo com a vitória na Arena.

Alguns números do jogo levantados pelo SofaScore explicam o motivo do insucesso, principalmente nas jogadas ofensivas.

  • 82 passes errados.

  • 22 bolas longas erradas.

  • 11 cruzamentos errados.

  • 14 finalizações erradas.

O Corinthians teve 59% de posse de bola e chutou ao gol 21 vezes, mais que o dobro do Fortaleza, que arriscou 10 chutes. O time de Rogério Ceni, no entanto, venceu 58 disputas de bola, contra 35 dos alvinegros. Nas disputas aéreas, os visitantes também foram melhores, com 16 vitórias nestes duelos. Pelo alto, os corintianos só se deram bem em oito oportunidades.

Atuações individuais abaixo da expectativa podem ser exemplificadas pelos desempenhos de Ángelo Araos e Fagner.

O chileno errou nove passes, teve apenas 70% de acerto neste fundamento e mandou para longe do gol as duas finalizações que tentou. Já o lateral acertou apenas 77.4% dos passes nessa quarta.

Agora, o Corinthians tem até domingo para fazer os ajustes necessários. No Morumbi, às 11 horas, o desafio será contra o São Paulo.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.