Atlético-MG

Dudamel lamenta eliminação, mas projeta evolução do Atlético-MG

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

21 de fevereiro de 2020 - 00:00 - Atualizado em 21 de fevereiro de 2020 - 00:00

Dudamel apontou a condição física dos jogadores como determinante para a queda

Nesta quinta-feira, o Atlético-MG venceu o Unión de Santa Fé em Belo Horizonte, pelo placar de 2 a 0, mas acabou eliminado da Copa Sul-Americana. Como o Galo foi derrotado por 3 a 0 na Argentina, o resultado em Minas Gerais não foi o suficiente. Após a partida, o técnico Rafael Dudamel lamentou a desclassificação, mas projetou a evolução da equipe baseado na boa atuação de seus comandados.

“Depois dessa demonstração, não espero nada menos dos jogadores, da equipe. Cada jogo vai marcando uma evolução. Era uma partida perigosa, de alto risco, de tudo ou nada. Tínhamos que apostar. Compartilhei (a ideia) com os jogadores, entenderam, ganhamos o jogo, mas, lamentavelmente, não classificamos. Fico chateado pela eliminação, mas otimista pela evolução que o plantel vem tendo”, declarou o treinador em entrevista coletiva.

Dudamel ainda apontou o aspecto físico como determinante para o placar final. “Nesta partida, para este jogo, (a parte física) foi determinante. Se a equipe toda estivesse no seu 100%, teríamos algo mais, mas, lamentavelmente, tivemos jogadores que não estavam em plenitude das condições físicas. Nos momentos determinantes, nos faltou gasolina extra, gasolina adicional para matar o jogo”, explicou.

O comandante alvinegro também afirmou entender as críticas neste início de trabalho, mas garantiu que confia na capacidade de reverter a situação.

“As críticas são normais, porque fomos eliminados na primeira fase da copa. As críticas despertam em mim a possibilidade de seguir trabalhando para ser melhor. Quando ganharmos partidas, títulos, as críticas mudam para aplausos. Hoje não posso pedir aplausos e reconhecimentos, porque não avançamos de fase. Sou o responsável, o que acontece com a equipe é minha responsabilidade. Temos que assumir a tristeza e as críticas dos torcedores. Eles sabem e sentem que vamos dar muitas alegrias”, completou.

Agora, o Atlético-MG volta as atenções para a disputa da Copa do Brasil. O Galo entra em campo na próxima quarta-feira (26), às 21h30 (de Brasília), para enfrentar o Afogados, no Estádio Vianão, pela segunda fase do torneio nacional.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.