Bastidores

Dedé alega estar há dez meses sem receber salário do Cruzeiro

Gazeta
Gazeta Esportiva

12 de janeiro de 2021 - 09:55 - Atualizado em 12 de janeiro de 2021 - 10:15

Em ação judicial contra o Cruzeiro, o zagueiro Dedé alega estar há dez meses sem receber salário do clube mineiro. No processo, o jogador pediu a rescisão de contrato, que foi negada. Segundo Dedé, o clube deixou de realizar o pagamento a partir de março de 2020.

Segundo divulgado pela Rádio Itatiaia, o valor total pedido por Dedé referente aos salários chega a R$13,7 milhões. Isso além do FGTS, que segundo o jogador só recebeu os depósitos entre janeiro e junho de 2020 – em um período desde maio de 2019. O valor soma mais de R$704 mil.

Dedé não joga desde outubro do ano retrasado, 2019. O jogador voltou a sofrer com lesão e precisou passar por uma cirurgia no joelho direito – o zagueiro se recupera no Rio de Janeiro, mas sem previsão de retorno.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.