Esportes

Daniel Guedes, lateral do Goiás, é suspenso preventivamente após cair no doping

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

25 de setembro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 25 de setembro de 2019 - 00:00

O Goiás sofreu uma baixa para a sequência do Campeonato Brasileiro. Flagrado no exame antidoping após o jogo contra o CSA, no dia 27 de maio, pela sexta rodada do Brasileirão, o lateral-direito Daniel Guedes foi suspenso preventivamente.

A substância encontrada no exame foi a higenamina, que tem como função principal acelerar o metabolismo. Depois do exame dar positivo para o uso da mesma, Daniel Guedes solicitou uma contraprova, mas o resultado confirmou o teste anterior.

Assim, o nome do lateral apareceu na lista de atletas suspensos pela Autoridade Brasileira de Controle e Dopagem (ABCD). O julgamento do caso ainda não tem data marcada, mas Daniel Guedes não pode ser utilizado até lá.

O lateral já era desfalque certo para o jogo desta quarta-feira à noite, contra o São Paulo, no Morumbi, por ter recebido o terceiro amarelo na vitória sobre o Fluminense, por 3 a 0, no último domingo. Kelvin e Yago Rocha são as opções para o técnico Ney Franco.

Além disso, o treinador recebeu nesta quarta-feira a notícia de que o atacante Kayke não faz mais parte do elenco esmeraldino depois de ter aceitado uma proposta de um clube do Catar.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.