Cuiabá

Cuiabá garante acesso à Série A antes de entrar em campo e perde para o Sampaio Corrêa

Gazeta
Gazeta Esportiva

22 de janeiro de 2021 - 22:20 - Atualizado em 22 de janeiro de 2021 - 23:45

O dia 22 de janeiro de 2021 vai ficar marcado para sempre na história do Cuiabá. Nesta sexta-feira, o Dourado conquistou pela primeira vez o direito de disputar a Série A do Campeonato Brasileiro. O acesso saiu antes mesmo da equipe entrar em campo, já que o CSA, primeiro time fora do G4, ficou apenas no empate com o Brasil de Pelotas e não pode mais alcançar a pontuação do clube mato-grossense.

Mesmo assim, o time do técnico Allan Aal teve que entrar em campo nesta noite e, em clima de festa, acabou sendo derrotado por 3 a 1 para o Sampaio Corrêa, em casa, pela 37ª rodada da Segunda Divisão.

Na primeira etapa, o Cuiabá até pressionou, mas quem acabou balançando as redes foram os visitantes. Aos 41, Jackson recebeu na entrada da área, girou em cima da marcação e soltou uma bomba para marcar um golaço na Arena Pantanal. Quatro minutos depois, André Luiz cruzou, João Carlos falhou ao tentar socar a bola e Léo Costa aproveitou para ampliar.

No início do segundo tempo, os anfitriões tiveram uma ótima chance para descontar. Com apenas um minuto, o árbitro marcou pênalti em cima de Elton. Na cobrança, no entanto, o centroavante parou no goleiro Mota. Já aos 30, o arqueiro não pôde fazer nada para evitar que a bola entrasse. Felipe Ferreira recebeu na intermediária e emendou um forte chute no cantinho para diminuir.

E o empate quase saiu logo na sequência. Yago recebeu na ponta direita, aplicou lindo drible no zagueiro, mas chutou em cima do Mota. E o tento perdido acabou fazendo falta, já que, aos 47, Dione anotou o terceiro dos maranhenses e deu números finais ao confronto.

Com o resultado, o Cuiabá estacionou na terceira colocação, com 61 pontos, mas, devido ao empate do CSA, primeiro time fora do G4, o Dourado não pode mais deixar a zona de classificação à Série A. Dessa maneira, o Mato Grosso volta a ter um representante na elite do futebol brasileiros depois de 35 anos. O último havia sido o Operário de Várzea Grande, em 1986. Já o Sampaio pulou para a sexta posição, com 54 pontos, porém não tem mais chances de acesso.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.