Esportes

Cuca valoriza atuação do Santos em derrota e diz que árbitro de vídeo “brincou”

Gazeta
Gazeta Esportiva

30 de agosto de 2020 - 20:14 - Atualizado em 30 de agosto de 2020 - 21:00

Com dois gols anulados, o Santos acabou derrotado pelo Flamengo na tarde deste domingo, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Na Vila Belmiro, o técnico Cuca procurou valorizar a atuação de sua equipe e reclamou das decisões tomadas com auxílio do árbitro de vídeo.

No primeiro tempo, Raniel marcou após cruzamento de Pará e Marinho também converteu em cobrança de falta. Com auxílio do VAR, porém, o árbitro Wilton Pereira Sampaio, integrante do quadro da Fifa, anulou os dois gols do Santos por impedimento.

“Agora, deveríamos estar curtindo nosso bom jogo, mas estamos discutindo a manga da camisa na frente ou a interpretação. Isso está ficando chato. Chamam a arbitragem para discutir e ficam cinco minutos. Não tem como o jogador não ficar pilhado. Todo mundo fica louco”, descreveu Cuca, insatisfeito.

“Hoje, o André, parceiro lá de Goiânia, brincou no VAR. Meu Deus do céu!”, acrescentou o técnico, citando o árbitro de vídeo André Luiz de Freitas Castro. “Mas não quero falar disso, gol impedido, anulado. Queria poder falar do jogo bom que fizemos”, completou.

Ainda no primeiro tempo, em um vacilo de Felipe Jonatan, o Flamengo contra-atacou em velocidade e marcou o gol da vitória por meio do centroavante Gabriel. Para Cuca, apesar da derrota sofrida na Vila Belmiro, o Santos fez uma exibição consistente diante do atual campeão brasileiro.

“O resultado pode ter escapado, como escapou. Mas, a boa partida, não escapa. O que fizemos no jogo, não escapa. Então, dá um norte muito mais forte do que se tivéssemos vencido um jogo sem merecer. Foi isso que falei a eles aqui dentro. Às vezes, um bom jogo assim vale mais que o resultado”, declarou.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.