Bastidores

Cruzeiro negocia para quitar dívida com empresa administradora do Mineirão

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

22 de fevereiro de 2020 - 00:00 - Atualizado em 22 de fevereiro de 2020 - 00:00

Djalma Vassão/Gazeta Press

Na luta contra a pior crise da história, o Cruzeiro segue com seu planejamento para resolver questões importantes da área administrativa e financeira. Segundo informações da Rádio Itatiaia, os dirigentes do clube mantêm conversas com a Minas Arena, administradora do Mineirão, para quitar mais uma grande dívida. O débito seria de cerca de R$ 40 milhões, já contando juros.

Como R$ 10 milhões já foram depositados em juízo, a ideia do Cruzeiro é fechar um acordo para pagar mais R$ 20 milhões, obviamente de forma parcelada e com um prazo de, pelo menos, um ano para o início dos depósitos.

No entanto, uma outra questão ainda trava o acordo. Em relação às despesas das partidas no estádio, o antigo contrato colocava que o Cruzeiro pagava 70% do valor, enquanto a Minas Arena ficava com o resto. Agora, a empresa quer diminuir o seu percentual, algo que o time mineiro ainda não concorda.

Outra questão que deve ser discutida entre as partes é um possível acordo de naming rights do Mineirão. O Cruzeiro tem três propostas. de empresas que ainda não foram reveladas.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.