Corinthians

Corinthians tem dois expulsos, mas arranca empate contra o Grêmio

Gazeta
Gazeta Esportiva

22 de novembro de 2020 - 22:31 - Atualizado em 23 de novembro de 2020 - 20:00

O árbitro Caio Max Augusto Vieira foi o grande protagonista do empate por 0 a 0 entre Corinthians e Grêmio, na noite deste domingo, na Neo Química Arena, em duelo pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O juiz do Rio Grande do Norte expulsou Marllon no primeiro tempo e Otero na etapa final e adotou critérios confusos. Mesmo assim, com dois jogadores a menos, o Timão conseguiu evitar a derrota para o Tricolor Gaúcho.

Como ficou

Na tabela, no entanto, o resultado não foi dos melhores para os corintianos. O time de Vagner Mancini chegou aos 26 pontos, na 13ª colocação, apenas dois pontos acima da zona de rebaixamento. Já são quatro jogos seguidos sem conquistar uma vitória.

O Grêmio, agora, tem 12 jogos de invencibilidade. A série de oito vitórias seguidas também foi quebrada. Os gaúchos ocupam a oitava posição no Brasileirão, com 34 pontos.

Primeiro tempo

Quem esperava um “mistão” do Grêmio em Itaquera acabou pego de surpresa. Renato Gaúcho mandou força máxima e complicou ainda mais a missão do Corinthians, que, por outro lado, não se intimidou.

A partida começou com chances para os dois lados, os visitantes mais incisivos e os mandantes bem organizados.

O jogo era promissor até o árbitro Caio Max Augusto Vieira assumir o protagonismo.

Primeiro, o juiz não expulsou Darlan depois de falta em cima de Otero em lance que aconteceu poucos minutos depois do gremista receber o amarelo.

Na sequência, Caio Max Augusto Vieira amarelou Marllon por falta em cima de Matheus Henrique. O sangue na canela do meia-atacante fez Vieira trocar o amarelo pelo vermelho. Decisão que ainda foi revisada no monitor por conselho do VAR, mas não foi alterada novamente.

Ainda deu tempo para Caio Max Augusto Vieira errar mais uma vez antes do intervalo. Dessa vez, Cantillo, que estava pendurado, evitou o contra-ataque do Tricolor com um puxão de camisa, mas o árbitro ‘fingiu que não viu’.

Segundo tempo

No segundo tempo, a situação do Corinthians e do árbitro só pioraram. Com apenas 20 minutos, Caio Max Augusto Vieira ignorou a falta de Orejuela em Otero. Na sequência, o venezuelano foi quem cometeu falta. Como já tinha amarelo, acabou expulso.

Com dois a menos, o Corinthians ainda teve a melhor chance do jogo, com Fagner, dentro da área. Mas, Vanderlei fez um milagre e evitou o que seria o gol de uma eventual vitória heroica.

No fim, o Timão conseguiu se segurar com nove atletas em campo.

Na sequência

O Corinthians agora vai encarar o Coritiba, no Paraná, quarta-feira, às 21h30. O Grêmio, na quinta, vai pegar o Gauraní, no Paraguai, pelas oitavas da Copa Libertadores da América. No sábado, o Tricolor terá o Flamengo, no Sul, às 21h, pelo Brasileirão.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 X 0 GRÊMIO

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)

Data: 22 de novembro de 2020, domingo

Horário: 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Assistentes: Jean Marcio dos Santos e Vinicius Melo de Lima (ambos RN)

VAR: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro (RN)

Cartões amarelos: Cantillo, Otero (2) (COR); Darlan (GRE)

Cartões vermelhos: Marllon, Otero (COR)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Marllon, Gil e Fábio Santos; Gabriel (Camacho) e Cantillo (Xavier); Jonathan Cafú (Piton), Luan (Léo Natel) e Otero; Matheus Davó (Bruno Méndez)

Técnico: Vagner Mancini

GRÊMIO: Vanderlei; Orejuela (Churín), Pedro Geromel, Rodrigues e Bruno Cortez (Diogo Barbosa); Darlan (Pinares) e Matheus Henrique (Victor Ferraz); Luiz Fernando, Jean Pyerre (Isaque) e Pepê; Diego Souza

Técnico: Renato Portaluppi

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.