Corinthians

Corinthians fez 14 gols de falta em 10 anos; Marcelinho fez 13 em uma temporada

Gazeta
Gazeta Esportiva

27 de março de 2021 - 08:00 - Atualizado em 27 de março de 2021 - 08:15

De 2011 a 2021, o Corinthians marcou 14 gols por meio de cobranças de falta.

Otero anotou o último deles ao mandar a bola na rede do Retrô-PE, nessa sexta-feira.

O Footstats contou 954 dias sem o torcedor corintiano comemorar um gol desta maneira, em torneio oficial, desde Jadson, em agosto de 2018, contra a Chapecoense.

Luan, em janeiro do ano passado, também chegou a deixar a sua marca contra New York City durante a Flórida Cup, mas o torneio tem caráter amistoso, de pré-temporada.

Segundo o jornalista e pesquisador Diego Salgado, dos 14 gols de falta marcados pelo Corinthians nos últimos 10 anos, sete tiveram Jadson como autor. Além dele, Fábio Santos, Alex, Douglas, Pato, Maycon, Luan e Otero completam a lista com um gol cada um.

Os 14 gols de falta do Corinthians entre 2011 e 2021:

2011

Fábio Santos

Alex

2012

Douglas

2013

Pato

2014

Jadson (duas vezes)

2015

Jadson (três vezes)

2017

Maycon

Jadson

2018

Jadson

2020

Luan

2021

Otero

A dificuldade corintiana, que vem se arrastando ao longo dos anos, em marcar gols de falta fica ainda mais evidente quando um dos maiores ídolos do clube é usado como parâmetro de comparação.

Marcelinho Carioca, um dos melhores cobradores de falta da história do futebol, chegou a anotar 13 gols desta maneira, defendendo o alvinegro do Parque São Jorge, em apenas uma temporada, a de 1996.

Portanto, o Pé de Anjo, segundo o levantamento feito por Diego Salgado, sozinho, em um ano, registrou apenas um gol de falta a menos do que o Corinthians conseguiu de 2011 até a atual temporada.

Otero, que chegou ao Corinthians em cima de muita expectativa sobre as bolas paradas, precisou de 22 cobranças de falta para marcar seu primeiro gol assim.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.