Esportes

Contemporâneos no futebol europeu, Abel e Crespo duelam no Choque-Rei pelo Paulista

Gazeta
Gazeta Esportiva

16 de abril de 2021 - 06:00 - Atualizado em 16 de abril de 2021 - 06:30

Palmeiras e São Paulo travam nesta sexta-feira, no Allianz Parque, o primeiro Choque-Rei da temporada de 2021. E este confronto, válido pela quinta rodada do Paulistão, terá uma duelo particular especial. Isso porque os estrangeiros Abel Ferreira e Hernán Crespo voltam a se encontrar depois de quase 15 anos, mas dessa vez como treinadores.

Enquanto jogadores, os dois já se enfrentaram duas vezes. O primeiro embate foi em agosto de 2006, quando o Sporting de Abel derrotou a Inter de Milão de Crespo por 1 a 0. Já no dia 22 de novembro do mesmo ano, o argentino devolveu o triunfo de 1 a 0, justamente com um gol do ex-atacante. Ambos os jogos foram pela fase de grupos da Liga dos Campeões.

Passados 15 anos, ambos ainda iniciam as suas respectivas carreiras como técnicos e já colocam frente a frente trabalhos promissores, que vem animando os torcedores.

Contratado no final de outubro de 2020, Abel precisou de pouco tempo para cair na graça dos palmeirenses. Em apenas seis meses de trabalho, ele já conquistou uma Libertadores e uma Copa do Brasil pelo clube.

Ao todo, são 43 jogos com o português no comando, com 21 vitórias, 13 empates e somente nove derrotas, além de 67 gols marcados e 33 sofridos. Com este bom retrospecto, ele já entrou na galeria dos técnicos mais vitoriosos do clube. Apenas ele e Vanderlei Luxemburgo, em 1993, conquistaram mais de uma taça no primeiro ano de Alviverde.

Dentro de campo, aliás, ele também tem o total respeito dos atletas. Desde que chegou, o desempenho do time melhorou. Alguns jogadores, que antes estavam encostados, passaram a corresponder e diversas jogadas ensaiadas estão sendo colocadas em prática durante as partidas, um fator que vem surpreendendo os rivais.

Na última temporada, o Palmeiras registrou a melhor média de gols marcados no Allianz Parque desde que o estádio fora inaugurado, em 2014, com 70 bolas na rede em 35 jogos. Foram, em média, dois gols por compromisso, contra 1,9 de 2018 e de 2017. A defesa também se destacou, com média de 0,65 gol sofrido por partida em casa (23 em 35 partidas).

Já em 2021, Abel encara o seu momento mais conturbado. O clube vem de dois amargos vice-campeonatos. No domingo, o Verdão perdeu a Supercopa do Brasil para o Flamengo nos pênaltis. Já nesta quarta-feira, o time foi superado pelo Defensa Y Justicia, também nas penalidades máximas, e viu os rivais serem campeões da Recopa Sul-Americana.

Pelo lado do São Paulo, Hernán Crespo não conta com o mesmo tempo de trabalho, tampouco o mesmo prestígio que Abel Ferreira possui no Palmeiras, mas seu início de trajetória no Morumbi é bastante animador. Nos seis primeiros jogos à frente do Tricolor, o treinador argentino somou quatro vitórias, um empate e apenas uma derrota. Dos quatro triunfos, três foram goleadas.

Dos quatro triunfos do São Paulo na atual temporada, três foram goleadas. O time venceu a Inter de Limeira por 4 a 0, o clássico contra o Santos, também por 4 a 0, e, mais recentemente, o São Caetano, por 5 a 1.

O Tricolor conta com o melhor ataque do Campeonato Paulista após seis jogos, com 16 gols, uma média de 2,6 bolas na rede por partida. O time também lidera as estatísticas de cruzamentos, passe, posse de bola e finalizações.

É claro que ainda é muito cedo para saber até onde Hernán Crespo e sua equipe irão chegar na atual temporada. Com um orçamento pequeno para reforços, a nova diretoria foi ao mercado e buscou peças pontuais para agregar a um elenco que disputará as principais competições possíveis.

Fato é que, pelo menos por enquanto, Hernán Crespo vem tendo o mesmo sucesso de outros técnicos estrangeiros que fizeram história no Brasil. Agora, o grande desafio é manter o alto nível para concretizar um antigo sonho dos torcedores tricolor: o grito de campeão.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.