Bastidores

Com interesse de Santos e Chile, Crespo diz por que escolheu o São Paulo: “Houve conexão”

Gazeta
Gazeta Esportiva

17 de fevereiro de 2021 - 18:18 - Atualizado em 17 de fevereiro de 2021 - 18:30

Hernán Crespo falou nesta quarta-feira sobre o que o levou a escolher o São Paulo para ser seu próximo clube, deixando Santos e seleção chilena, outros dois interessados em seu trabalho, para trás. Recém-campeão invicto da Copa Sul-Americana, o argentino de 45 anos lidou pela primeira vez com o assédio do mercado graças ao seu sucesso no continente e acabou optando por uma tarefa difícil: levar o Tricolor de volta ao caminho dos títulos.

“Quando as coisas saem bem, há resultados, é normal que possa haver situações de novos times ou seleções. Mas, digamos que, quando se deu a possibilidade de falar com a diretoria do São Paulo, foi muito fácil, simples. Houve conexão, energia, e sou uma pessoa que muitas vezes tem a ver com sentimento, com o que vibra, com o que se sente, a conexão que há com as pessoas. Gostei disso, me arrepiou, fiquei animado, me encantou. Precisei de pouto tempo para decidir, mas os documentos fazem com que eu precise ter um pouco de paciência [para estrear]”, afirmou Crespo.

O técnico argentino, que desembarcou no Brasil na última terça-feira, reencontrou Kaká inesperadamente no Morumbi ao conhecer o estádio do São Paulo. Companheiro do ídolo tricolor nos tempos de Milan, ajudando a levar o time italiano à final da Liga dos Campeões da temporada 2004/05, o argentino voltará a tê-lo por perto agora no clube brasileiro.

Kaká faz parte do Comitê Avançado de Futebol, o CAF, grupo criado pela gestão de Julio Casares para ser um órgão consultivo, ajudando na tomada de decisões relacionadas ao futebol, mas com menos influência que a diretoria formada por Carlos Belmonte, Muricy Ramalho e Rui Costa.

“Foi uma surpresa bonita. Ele estava no Catar, me mandou mensagens, mas não esperava que iria encontrá-lo. Estamos falando de lendas do futebol mundial, tê-lo por perto é fantástico. Esse tipo de pessoa, a nível mundial, que conhece bem o ambiente, pode me ajudar muito a encurtar processos, ganhar tempo. Quando vemos caras conhecidas, que lhe transmite boas recordações, é muito bonito”, afirmou Crespo.

Com um ambiente propício, próximo de um antigo companheiro em seus tempos de jogador, e contando com um elenco mais qualificado que qualquer outro que já tenha treinado, Hernán Crespo agora aguarda os trâmites burocráticos para iniciar sua trajetória no São Paulo, o que deve acontecer no Campeonato Paulista.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.