Atlético-GO

Com gol de goleiro, Atlético-GO vence o Bahia e ofusca estreia de Mano Menezes

Gazeta
Gazeta Esportiva

13 de setembro de 2020 - 19:57 - Atualizado em 13 de setembro de 2020 - 20:31

Neste domingo, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro de 2020, o Atlético-GO venceu o Bahia, por 1 a 0, fora de casa, e emplacou o seu segundo triunfo seguido na competição. A partida ficou marcada pela estreia de Mano Menezes no comando do Tricolor de Aço.

Os visitantes foram melhores na primeira etapa no Estádio Pituaçu, em Salvador. Logo aos 13 minutos, Renato Kayzer apareceu livre no meio da defesa e cabeceou com perigo. Na sequência, Janderson fez fila na entrada da área, driblou o goleiro e tocou para o gol, mas Juninho tirou em cima da linha e evitou o golaço.

Já aos 39, nada impediu o tento do Dragão. Após acertar a barreira em cobrança de falta, Jean aproveitou o rebote e estufou as redes, inaugurando o marcador. Esse, inclusive, foi o primeiro gol do goleiro, que foi revelado justamente pelo Bahia.

Na segunda etapa, o confronto caiu de rendimento. O Tricolor até buscava apertar, mas a defesa dos goianos não permitia que os rivais levassem perigo. A melhor oportunidade saiu aos 43, em finalização de trivela de Marco Antônio, afastada pela zaga em cima da linha.

Dessa forma, o Atlético-GO alcançou a sua segunda vitória consecutiva no Brasileirão, sendo as duas fora de casa. Assim, o Dragão foi a 12 pontos, assumindo a 11ª posição do torneio. Já o Bahia, que está em 16º, com nove pontos, não vence há sete jogos.

FICHA TÉCNICA

BAHIA 0 X 1 ATLÉTICO-GO

Local: Estádio Pituaçu, Salvador (BA)

Data: 13 de setembro de 2020, domingo

Horário: 18h (Brasília)

Árbitro: Vinicius Gomes do Amaral (RS)

Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS), Jose Eduardo Calza (RS) e Moises Ferreira Simao (BA)

VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Cartão amarelo: Daniel (Bahia)

Cartão Vermelho: Juninho (Bahia)

GOL: Jean, aos 39 do 1ºT (Atlético-GO)

BAHIA: Douglas; Nino Paraíba (Edson), Ernando, Juninho e J. Capixaba; Ronaldo, Jadson (Daniel) e Rodriguinho (Marco Antônio); Clayson (Rossi), Élber e Gilberto (Saldanha).

Técnico: Mano Menezes

ATLÉTICO-GO: Jean, Dudu, João Victor, Éder e Nicolas (Gilvan); Edson, Oliveira e Chico (Matheus Vargas); Janderson (Everton), Renato Kayzer (Matheuszinho) e Gustavo Ferrareis (Hyuri).

Técnico: Vagner Mancini